Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

2022

HBO Max recruta Elza Soares, Ludmilla e Chico Buarque em show inédito

DIVULGAÇÃO/HBO MAX

Imagem de Elza Soares durante apresentação musical no show 2022

Elza Soares (1937-2022) durante apresentação em 2022, show inédito disponível na HBO Max

ERICK MATHEUS NERY e FERNANDA LOPES

erick@noticiasdatv.com

Publicado em 11/3/2022 - 6h30

Um século após a Semana de Arte Moderna de 1922, a HBO Max recrutou artistas como Elza Soares (1937-2022), Ludmilla, Chico Buarque, Martinho da Vila e Emicida para fomentar a cultura e a identidade do país. No show 2022, disponibilizado nesta sexta-feira (11) na plataforma de streaming, os assinantes encontram apresentações inéditas que refletem sobre a força e a diversidade da música popular brasileira.

"A primeira chama do projeto foi assistir, em janeiro de 2021, o DVD Fina Estampa, do Caetano Veloso, que dirigi há quase 30 anos. Comecei a sonhar com um show no qual a gente pudesse unir toda a música brasileira para pensar o Brasil, fazer uma reflexão sobre o país. Porém, imediatamente, comecei a achar que podia estar louca, que não poderia pensar no Brasil em um show musical", admite Monique Gardenberg, diretora geral de 2022, ao Notícias da TV.

A diretora levou o projeto até Hermano Vianna e Lourenço Rebetez, curadores de 2022. "Nós achamos que ela estava louca, sim! (risos) Naquele momento da pandemia, quando ela nos procurou, tinha uma certa urgência de coisas animadoras e também pelo significado de 2022, ano que marca os 100 anos da Semana de Arte Moderna. Achamos que a música popular brasileira é um dos espaços mais criativos e importantes sobre o que é o Brasil, o que é a modernidade do Brasil", pondera Vianna.

O desafio motivou os produtores, que selecionaram 48 artistas para interpretarem 22 músicas que refletissem a cultura do país. "Começamos a pensar em quem poderia interpretar essas canções e com a ideia de que os encontros fossem surpreendentes. Na música brasileira, temos essa liberdade de misturar tudo com tudo, ser irreverente. Por exemplo, [uma apresentação de] Péricles e Maria Gadú, por que não?", provoca Rebetez.

Há também encontros de Caetano Veloso com o rapper indígena Owerá, de Carlinhos Brown com o Olodum e apresentações solo de Leandro Lehart e João Bosco, por exemplo.

Gravado no final de 2021, o show conta com uma apresentação inédita de Elza Soares. Segundo Monique, esta performance é considerada como um tributo à cantora, assim como outros artistas que também foram homenageados no musical. "Tem algumas coisinhas ali que vinham muito do coração da gente", destaca a diretora.

Dividido em dois episódios, 2022 está disponível na HBO Max. Confira o trailer:


Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.