Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

INDIRETA

Fred Ring diz que saiu do SporTV por perseguição de 'comentarista loira'

REPRODUÇÃO/SPORTV

Imagem mostra o jornalista Fred Ring, ex-apresentador do Tá na Área, do SporTV

Fred Ring, ex-apresentador do SporTV; jornalista diz que sofreu perseguição de comentarista no canal

REDAÇÃO

Publicado em 18/8/2020 - 18h08
Atualizado em 21/8/2020 - 23h07

Ex-apresentador do SporTV, Fred Ring afirmou que sofreu perseguição pessoal no canal. Segundo o jornalista, sua saída foi motivada por atritos com uma "comentarista loira que lacra pra caramba". As declarações do apresentador foram feitas durante em entrevista ao Pânico, da rádio Jovem Pan, nesta terça-feira (18).

"Havia uma perseguição pessoal. Posso dizer que, muitas vezes, o canal me bancou e me defendeu, mas havia uma perseguição pessoal de uma comentarista mulher, loira, que lacra pra caramba", disse Ring.

Apesar de não ter citado nomes, os internautas repercutiram a declaração e apontaram que o alvo das críticas poderia ser a comentarista Ana Thaís Matos.

"Não vou falar o nome, mas ela aparece na Globo, faz jogos e está colecionando inimigos. Essa é a minha sensação, e eu fui um deles. Então, resolvi ir embora", completou o ex-titular do Tá na Área.

Ana Thaís Matos foi procurada pela reportagem, mas não quis se manifestar sobre as declarações do ex-colega. O SporTV afirmou que é possível observar que "posições antagônicas são colocadas por profissionais da Globo e por convidados todos os dias, em discussões plurais e democráticas" nos programas e debates do esporte.

Fred pediu demissão da emissora no início de agosto depois de se envolver em uma polêmica com o Corinthians. Ele insinuou por meio de uma publicação em seu Instagram que o time paulista era ajudado pela arbitragem. 

O jornalista recebeu muitas críticas, e Ana Thais Matos foi justamente uma das que não gostaram da postagem. "Agora fica bom para você ancorar um pré-jogo lá de Itaquera. Clima bom", escreveu a comentarista na época. O repórter André Hernan também reprovou a brincadeira do colega. Na ocasião, o então titular do Tá na Área pediu desculpas e disse que sua conta do Instagram havia sido rackeada.

Problemas ideológicos

Na entrevista, Ring também assegurou que era pressionado no SporTV a expor opiniões com as quais não concordava, algo que o incomodava. Ele deu um exemplo ao dizer que foi orientado, em uma ocasião, a criticar o governador João Doria. 

"Em um programa em que mostramos um VT do João Doria falando sobre automobilismo, me orientaram no ponto a criticar o governador.  Eu achava que não deveria receber ordem desse tipo e não era minha responsabilidade encaminhar palavras do ponto", explicou.

Além do Tá na Área, o jornalista também apresentou outros programas durante sua passagem de quatro anos pela emissora, como o Troca de Passes, hoje ancorado por Karine Alves. Ela foi escolhida para substituir Rodrigo Rodrigues, que morreu no final de julho em decorrência de complicações da Covid-19.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou dos participantes do BBB21?