Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

ELEIÇÕES 2022

Datena impõe condição para entrar na briga Lula x Bolsonaro: 'Não sou burro'

REPRODUÇÃO/BAND

José Luiz Datena no estúdio do Brasil Urgente, da Band, em edição exibida no sábado (10)

José Luiz Datena no comando do Brasil Urgente; apresentador é pré-candidato à Presidência

VINÍCIUS ANDRADE

vinicius@noticiasdatv.com

Publicado em 10/7/2021 - 20h25

José Luiz Datena confirmou que é pré-candidato à Presidência da República pelo PSL (Partido Social Liberal). Porém, o apresentador do Brasil Urgente avisou que só entrará como uma opção na disputa com nomes como Jair Bolsonaro, Luiz Inácio Lula da Silva e Ciro Gomes em 2022 se as pesquisas indicarem que ele tem alguma chance de vitória contra os rivais.

O jornalista da Band explicou essa condição durante conversa com Leonardo Sakamoto, colunista do UOL, na Rádio Bandeirantes: "Você [Sakamoto] falou: 'Acho que o Datena não vai para presidente'. Eu não sou um cara burro. Se eu estiver perdendo de 10 a 0 ou 7 a 1, que nem o Brasil da Alemanha, não dá para empatar".

"Se eu passar de dois dígitos na avaliação de pesquisas científicas e tal, eu vou para o pau com os caras e não tenho medo de nenhum deles. Se eu for candidato, eu vou ser oposição ao Bolsonaro, ao Lula, ao Ciro e a todo mundo", argumentou Datena no Manhã Bandeirantes de sexta-feira (9).

O comandante do Brasil Urgente reforçou que "hoje" ele é o pré-candidato do PSL, mesmo partido pelo qual Bolsonaro se elegeu em 2018. Mas deixou no ar que isso não assegura sua participação nas eleições 2022 --o apresentador já confirmou e voltou atrás de participar de disputa por votos como governador, prefeito e senador por São Paulo em anos anteriores.

"Hoje eu sou pré-candidato à Presidência, mas tenho possibilidade de Senado e de Governo também se a campanha [para presidente] não decolar. Se decolar, aí eu vou para o pau mesmo. Aí, se você gosta desses caras que tão aí, você vota neles. Se não, você vota em gente diferente", sugeriu o veterano.

Datena confessou que tem amizade com Ciro Gomes e que o pré-candidato do PDT (Partido Democrático Trabalhista) chegou a oferecer a possibilidade de ele sair na corrida pelo Senado Federal no partido. "Eu acho que não vai ficar nessa polarização [Lula x Bolsonaro]. A tendência é a polarização, mas eu acho que não vai ficar nisso, não", opinou o jornalista da Band.

O apresentador do Brasil Urgente já passou por seis partidos diferentes antes de se filiar ao PSL na última semana. Ele confirmou que seria o vice-prefeito de Bruno Covas (1980-2021) nas eleições paulistanas de 2020, mas resolveu "dar no pé" pelas alianças e companhias do então prefeito.

Assista ao vídeo abaixo:


Leia também

Web Stories

+
Quem é Alanis Guillen? Conheça a Juma Marruá do remake de PantanalHarmonização facial e lente nos dentes: Veja antes e depois dos peões de A Fazenda 13Ex de Anitta e rei da pegação: Gui Araujo é o primeiro fazendeiro de A Fazenda 13Elenco, estreia e bastidores: Saiba tudo sobre o reboot de Um Maluco no PedaçoAgressão e barraco em festa clandestina: Veja histórico dos peões de A Fazenda 13

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Além de Pantanal, qual novela antiga merecia um remake?