Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Rolê com os amigos

Cueca de Obama e perseguição policial: O melhor de Café com Seinfeld na Netflix

Imagens: Reprodução/Netflix

Jerry Seinfeld e Barack Obama em Café com Seinfeld: político dirige um Corvette no quintal da Casa Branca - Imagens: Reprodução/Netflix

Jerry Seinfeld e Barack Obama em Café com Seinfeld: político dirige um Corvette no quintal da Casa Branca

JOÃO DA PAZ

Publicado em 18/7/2019 - 4h40

A ideia de Café com Seinfeld, programa disponível na Netflix, é genial: um rolê com os amigos em carros clássicos e uma paradinha para tomar um café e trocar uma ideia. O papo é tão descontraído que Jerry Seinfeld pergunta a Barack Obama sobre suas preferências de cueca. Mas a leveza leva a riscos, como quando o comediante, ao lado de Chris Rock, acelera uma Lamborghini além da conta e é perseguido pela polícia.

Chamada em inglês de Comedians in Cars Getting Coffee, a atração diverte com episódios curtos, de cerca de 20 minutos cada. Jerry escolhe carros que acha que têm a ver com seus entrevistados. Geralmente, são automóveis únicos e diferentões. Os destinos são cafeterias ou lanchonetes, chiques ou simples. Café com Seinfeld é cheio de detalhes, sobre a estrutura dos carros e sobre como os cafés são feitos.

Novos episódios do programa chegam à plataforma de streaming nesta sexta-feira (19). Para aquecer os motores, assista a sete episódios imperdíveis da atração, com nomes ilustres da comédia como Jim Carrey e Kevin Hart. Obama, ex-presidente dos Estados Unidos, entrou como um convidado à parte:

Jim Carrey e Jerry Seinfeld fazem presepadas no ateliê do comediante; crianças crescidas


Jim Carrey (Temporada A Primeira Xícara, primeiro episódio)

Figuraça, Jim Carrey é cheio de traquinagens em seu passeio com Jerry, a começar por como ele sai de casa: pula o muro, em vez de usar a porta. Carrey abre o jogo e fala do momento no qual largou as imitações para investir em uma comédia gestual.

Eles brincam com situações do cotidiano que dão nos nervos, como quando alguém inicia uma conversa com: "Você já notou...". Carrey, que gosta de carros e já teve uma McLaren, ainda demonstra ser um pintor habilidoso e convida Jerry para o seu ateliê.

John Oliver (à dir.) faz Seinfeld chorar de tanto rir enquanto tomam café em um dia nublado


John Oliver (A Primeira Xícara, nono episódio)

Bem que poderia ser em Londres, mas o dia nublado desse episódio é em Nova York. Sem dúvida, a dupla que John Oliver forma com Jerry rende um dos episódios mais engraçados do programa. Eles choram de tanto rir, com tirada atrás de tirada, mesmo quando a conversa pende para um assunto mais sério. Como eles mesmo dizem, não dá para perder a oportunidade de fazer uma piada.

Oliver, vencedor de nove Emmys (como produtor, roteirista e apresentador), faz sucesso à frente do Last Week Tonight, da HBO. Ele destrincha sua adaptação ao modo de vida americano e, de forma hilária, conta por que não daria certo como ator.

Jerry olha para o retrovisor e Chris Rock observa a polícia chegar; excesso de velocidade


Chris Rock (A Primeira Xícara, décimo episódio)

A boa relação entre Seinfeld e Chris Rock é percebida claramente pelo telespectador neste encontro de dois gênios da comédia stand-up. Chris demonstra sua principal e melhor característica, comentar sobre o comportamento humano e as relações interpessoais, com piadas que deixam Jerry histérico.

Fatidicamente, Jerry vivencia algo que Rock vê com frequência: ser parado pela polícia no trânsito. Com o amigo de carona, Jerry pisa fundo no acelerador de uma imponente Lamborghini Miura (de 1969). Um carro de polícia parte em uma perseguição após flagrá-los em alta velocidade. Chris transforma a situação constrangedora em piada, do tipo melhor rir do que se lamentar.

Jerry Seinfeld tem uma conversa íntima e bonita com Michael Richards, colega de comédia


Michael Richards (A Primeira Xícara, 17º episódio)

Esse episódio é especial, pois o ator Michael Richards aparece pouco na TV. Ele foi companheiro de Jerry durante as nove temporadas de Seinfeld (1989-1998). Na pele do excêntrico Cosmo Kramer, Richards ganhou três estatuetas do Emmy.

A ausência dele em Hollywood se deve por uma situação ruim, ocorrida em 2006. Em uma apresentação de stand-up, Richards foi flagrado por uma câmera de celular disparando impropérios racistas dos mais repugnantes contra alguns espectadores. Sua imagem ficou arranhada e, depois disso, ele não fez mais nada de relevante.

O encontro é tocante. Jerry e Richards relembram esse fato e a conversa fica bem emotiva. Mas o eterno Kramer também se mostra um verdadeiro palhaço, usando peruca, óculos escuros e brincando o tempo todo. Os amigos rodam Malibu com uma fantástica Kombi azul enferrujada.

Barack Obama e Jerry Seinfeld trocam ideia em refeitório da Casa Branca; Jerry fez o café


Barack Obama (Temporada Leve e Doce, primeiro episódio)

Como justificar a presença de Barack Obama, um político que presidiu os Estados Unidos, em uma atração focada em comediantes? Jerry defendeu bem seu convidado especial, pois Obama é bem-humorado, um piadista nato.

Por medidas de segurança, o café e o passeio de carro foram dentro da Casa Branca, a sede do governo norte-americano. Tomando um café feito pelo próprio Jerry, em uma cafeteira bem simples, Barack se solta e até comenta sobre seu vestuário íntimo: usa apenas uma marca de cueca, e sempre da mesma cor. É um Obama despojado, falando sobre anonimato e momentos embaraçosos.

Em um Porsche antigo de corrida, Jerry Seinfeld acelera fundo e deixa Kevin Hart extasiado


Kevin Hart (Leve e Doce, segundo episódio)

Apenas pelo passeio no carro, já vale ver Kevin Hart com Jerry. O humorista baixinho foi convidado a andar por Los Angeles em um Porsche conversível, carro de corrida de 1959. Com enormes óculos escuros, os dois engatam um papo animado, um gritando com o outro devido ao vento e o barulho do motor do automóvel.

Assim como outros participantes, Hart elogia a destreza de Jerry na direção. A conversa entre eles é bem didática e transmite algumas lições de vida. Hart confessa para Jerry que o papo é o segundo mais importante de toda sua vida, perdendo apenas para um diálogo travado com o pai, ainda na infância.

Companheiros de Seinfeld, Julia Louis-Dreyfus e Jerry relembram histórias de antigamente


Julia Louis-Dreyfus (Leve e Doce, sexto episódio)

Parceiros em Seinfeld, Jerry e Julia Louis-Dreyfus promovem uma reunião que parece de fato só entre eles, como se as câmeras não estivessem presentes. A dupla, que demonstrou uma química incrível na comédia, bate um papo tão pessoal entre eles que o público parece estar realmente bisbilhotando a conversa de dois estranhos. Até a mulher de Jerry entra na roda, em uma ligação de celular.

Como não se encontravam há tempos, Jerry e Julia contam histórias com muito "você se lembra...", trazendo à memória momentos áureos do passado deles. Assustadoramente, eles se recordam de cada detalhe do que aconteceu quando se encontraram pela primeira vez.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?