Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

SHARK TANK BRASIL

Cooler de papelão? Participante instiga jurados de reality com invenção para verão

FOTOS: DIVULGAÇÃO/SONY CHANNEL

O empresário Jean Pierozan apresenta seu cooler de papelão no episódio desta sexta (4) de Shark Tank Brasil

O empresário Jean Pierozan apresenta seu cooler de papelão no episódio desta sexta (4) de Shark Tank Brasil

FERNANDA LOPES

fernanda@noticiasdatv.com

Publicado em 4/12/2020 - 7h00

O verão está chegando, e um empresário criou uma geringonça capaz de revolucionar a vida de quem curte passar o dia na praia ou num churrasco com amigos. Jean Pierozan inventou um cooler todo de papelão e levou seu produto ao Shark Tank Brasil, do Sony Channel. Os investidores da atração ficaram intrigados.

No episódio do reality show de empreendedorismo que irá ao ar nesta sexta-feira (4), Pierozan pede R$ 150 mil reais de investimento em troca de 10% de participação em sua empresa. Ele é idealizador de um projeto inusitado de cooler --compartimento utilizado para manter bebidas geladas.

Os modelos de cooler mais conhecidos e comercializados são de plástico ou isopor, mas o dele é "de papelão, 90% biodegradável, 100% reciclável, reutilizável, muito mais barato do que a caixa de isopor", de acordo com a propaganda do participante.

O empreendedor não explica qual é a tecnologia que faz seu produto de papelão ser tão eficaz quanto os outros materiais, mas demonstra como a caixa é dobrada e conta como teve a ideia do negócio.

"Eu queria lançar um aplicativo de entregas à beira-mar. Mas, quando fui testar mercado, os caras escutavam [as propostas] e falavam: 'Mas quanto você quer por essas caixinhas?'. Eu vi que tinha um negócio aqui, um negócio bom", lembra.

Pierozan mostra o cooler aos sharks

Os "tubarões", como são chamados os jurados e grandes empresários do programa, acham a invenção de Pierozan interessante, mas ficam intrigados com o plano de negócio dele. Carol Paiffer pergunta como ele pretende gastar o dinheiro que pede como aporte.

"Eu preciso de US$ 20 mil (cerca de R$ 105 mil) para colocar patentes internacionais [o que funcionaria como barreira de entrada de produtos importados com a mesma função que o dele]. E os outros R$ 50 mil seriam para captar clientes mesmo."

A sabatina continua, e o dono do cooler de papelão se desdobra para tentar concluir a missão de conseguir um grande investidor para alavancar seu produto antes das férias de verão.

No mesmo episódio, os tubarões também recebem propostas de uma designer dona de uma marca de roupas feitas com retalhos e tecidos descartados, um empreendedor que criou uma máquina para distribuir amostras grátis e um jovem que apresenta um aplicativo de viagens e eventos voltados para o público LGBTQ+.

Formato de sucesso em mais de 40 países, o Shark Tank está em sua quinta temporada no Brasil. O novo episódio do reality show vai ao ar no Sony Channel nesta sexta-feira, às 22h.


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você quer ver no retorno de Amor de Mãe?