Amorteamo

Com 'melodrama do sobrenatural', Globo quer mostrar que é cult

Divulgação/TV Globo

O ator Johnny Massaro em cena de Amorteamo, minissérie de cinco capítulos sobre mortos-vivos - Divulgação/TV Globo

O ator Johnny Massaro em cena de Amorteamo, minissérie de cinco capítulos sobre mortos-vivos

DANIEL CASTRO - Publicado em 08/04/2015, às 11h54

Mais do que audiência, a Globo quer mostrar que sabe ser cult com Amorteamo, minissérie de cinco capítulos que estreia em 8 de maio. A produção, liderada por Marina Ruy Barbosa e Johnny Massaro (o Ferdinando de Meu Pedacinho de Chão), é a aposta da Globo para ganhar prêmios internacionais. Sua inscrição no Emmy Internacional já está assegurada. 

Definida pela emissora como um "melodrama do sobrenatural", Amorteamo (ex-Assombrações) traz uma estética incomum na TV, com referências ao cinema expressionista alemão, cenários pontudos e distorcidos, iluminação à luz de vela, um enorme cemitério construído dentro de estúdio. Os cabeças de equipe da produção são considerados vanguardistas dentro da Globo (mas não são crias de Luiz Fernando Carvalho, o diretor mais off-Projac da emissora). Flávia Lacerda, do núcleo de Guel Arraes, assina a direção. O texto é de Claudio Paiva, Newton Moreno e do próprio Guel Arraes.

A história se passa no Recife do início do século 20. Trata de mortos que voltam à vida, mas não tem nada de The Walking Dead. Os ressuscitados têm uma vida comum, se alimentam e fazem sexo. São diferenciados apenas por um figurino desgastado e sujo de terra. Não fosse a inspiração nas lendas urbanas nordestinas sobre assombrações, poderia ser comparada a séries como Les Revenants, The Returned ou Resurrection.

Amorteamo se estrutura em triângulos amorosos. O primeiro é formado por Aragão (Jackson Antunes), a mulher Arlinda (Letícia Sabatella) e o amante dela, Chico (Daniel Oliveira). Desse conturbado romance, nasce Gabriel (Johnny Massaro), concebido no último minuto de vida de Chico, assassinado por Aragão em flagrante de sexo com Arlinda.

Gabriel cresce criado como filho de Aragão e se apaixona por Lena (Arianne Botelho). Mas é obrigado a casar com Malvina (Marina Ruy Barbosa). Ela é a filha misteriosa e sombria de um agiota. O casamento seria a salvação de Arlinda, doente de tristeza pela morte do amante, e de Aragão, arruinado financeiramente. Gabriel sofre com a ideia do casamento forçado e sua mãe, com pena, conta que ele não é filho de Aragão muito menos meio-irmão de Lena. Ele então abandona Malvina na porta da igreja. Desgostosa, ela se joga da ponte.

Angustiado pelo remorso, Gabriel viola o túmulo de Malvina e leva seu corpo para casa. O ato traz consequências funestas. Todos os mortos da cidade ressuscitam. A felicidade inicial logo será substituída por consequências mais graves.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Que série você está mais empolgado para acompanhar neste ano?
Game of Thrones, com desfechos impactantes.
0.00%
The Big Bang Theory, comédia que acompanhei desde o início.
0.00%
A volta de Big Little Lies, que foi um sucesso.
0.00%
A nova temporada de Troca de Esposas, da Record.
0.00%

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook