Bastidores

Carrasco briga com coautora e acaba com dupla de sucesso na Globo

João Miguel Jr./TV Globo

Walcyr Carrasco na apresentação de Eta Mundo Bom! à imprensa, em janeiro - João Miguel Jr./TV Globo

Walcyr Carrasco na apresentação de Eta Mundo Bom! à imprensa, em janeiro

DANIEL CASTRO - Publicado em 25/04/2016, às 05h25

Dupla responsável pelo sucesso de Verdades Secretas, a novela sensação da Globo em 2015, Walcyr Carrasco e Maria Elisa Berredo não dividem mais a mesma escaleta, o documento que determina todas as cenas de um capítulo de novela. Os dois brigaram, e Maria Elisa foi dispensada de Eta Mundo Bom!. A Globo confirma. Diz que "divergências acontecem quando se trabalha em grupo".

Nos créditos da novela das seis da Globo, o nome de Maria Elisa não aparece mais. Até a semana passada, ela tinha status de coautora. A Globo informava na abertura da trama que a novela era "escrita por Walcyr Carrasco e Maria Elisa Berredo". Agora, é escrita apenas por Carrasco.

O time de colaboradores de Eta Mundo Bom também mudou. Saíram Claudia Tajes e Daniel Berlinsky, que trabalhou com Carrasco em Gabriela (2012) e Amor à Vida (2013). Entraram Nelson Nadotti e Vinicius Vianna, considerados mais experientes. A mudança, no entanto, não afetou a audiência da novela, maior sucesso das 18h dos últimos anos.

Maria Elisa era braço-direito de Aguinaldo Silva até Fina Estampa. Em 2015, surgiu como coautora de Verdades Secretas, criação do Carrasco, desafeto de Silva. Segundo altas fontes na Globo, Berredo teve participação decisiva no sucesso da novela. Era ela quem dava o tom mais pesado da trama, com sexo e drogas, já que tinha mais experiência em novela das nove do que Carrasco. No prêmio Extra de Televisão, Carrasco dedicou o troféu recebido por Verdades Secretas a Maria Elisa.

Em Eta Mundo Bom!, no entanto, Maria Elisa deixou de ser peça fundamental. Carrasco considerou que a colega estava dando pitaco de mais, ditando regra em um território em que ele é "rei", o das novelas das seis. Maria Elisa tinha autonomia para mexer no texto de Carrasco, e ele não gostou _ao contrário do que ocorreu em Verdades Secretas, em que as alterações dela foram bem assimiladas.

Maria Elisa também foi responsável pela troca de colaboradores. Foi ela quem propôs a saída de Claudia Tajes e Daniel Berlinsky. Depois da troca, Carrasco concluiu que o problema era Maria Elisa. E tchau.

Procurado, Walcyr Carrasco não respondeu ao e-mail do Notícias da TV. A Comunicação da Globo confirmou a saída de Maria Elisa e dos dois colaboradores do time de Eta Mundo Bom!. "Divergências acontecem quando se trabalha em grupo", afirmou a emissora.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

O Vídeo Show tem salvação?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook