Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

NAS REDES

Após entrevista com Regina Duarte, bolsonaristas cancelam CNN: 'Comunista'

REPRODUÇÃO/YOUTUBE

Imagem de Daniel Adjuto entrevistando Regina Duarte para a CNN

Regina Duarte em entrevista exclusiva para a CNN; Bolsonaristas criticaram a emissora nas redes

REDAÇÃO

Publicado em 8/5/2020 - 9h52

Após o chilique ao vivo de Regina Duarte em entrevista para a CNN, apoiadores de Jair Bolsonaro decidiram usar as redes sociais para "cancelar" a emissora. A tag #CNNLixo está entre os assuntos mais comentados do Twitter na manhã desta sexta-feira (8), e muitos bolsonaristas estão atacando a atriz Maitê Proença e acusando o canal de imparcialidade: "Mídia comunista!", escreveram.

Antes de encerrar a entrevista conduzida por Daniel Adjuto, os apresentadores Reinaldo Gottino e Daniela Lima, que estavam no estúdio, exibiram uma mensagem de Maitê Proneça, colega de profissão da secretária especial de Cultura. A atriz cobrou atitudes de Regina dentro do governo, o que a fez dar um chilique ao vivo e acusar a emissora de "desenterrar mortos".

Os jornalistas esclareceram que a mensagem da atriz era recente e disseram que não estavam desenterrando ninguém: "O que nós estamos fazendo é enterrar os mais de oito mil mortos por Covid-19 no Brasil", disseram os apresentadores.

Nas redes sociais, apoiadores do presidente da República criticaram a CNN pelo modo como a entrevista foi conduzida e cobraram um posicionamento parcial ao publicar fotos de Maitê em manifestações contra o governo, chamando-a de comunista também, além de acusá-la de manter contas na Suíça e receber uma pensão de mais de R$ 24 mil. Leia:

Os internautas que apoiam o governo também aproveitaram para parabenizar Regina por sua postura durante a entrevista que consideraram ser uma armadilha. "Você se saiu muito bem nessa arapuca que te armaram", disse a internauta Celia. Outros, acusaram a CNN por não fazer um jornalismo sério e se igualar à Globo, emissora que criticam desde o início da campanha eleitoral de Bolsonaro. Confira:

Durante a entrevista que aconteceu na noite de quinta (7), a ministra da Cultura cantou músicas da ditadura militar, minimizou os assassinatos e torturas da época e pediu para que a sociedade seja mais "leve" em meio à pandemia do novo coronavírus. 

Assista abaixo a íntegra da entrevista de Regina Duarte para a CNN:

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você já tem seu favorito em A Fazenda 12?