1 CONTRA TODOS

Série indicada ao Emmy importa lhamas e figurantes para montar Bolívia no Rio

Fotos: Reprodução/Fox

Cena de 1 Contra Todos mostra Pepe (Roberto Birindelli, à dir.) com lhamas em sua mansão - Fotos: Reprodução/Fox

Cena de 1 Contra Todos mostra Pepe (Roberto Birindelli, à dir.) com lhamas em sua mansão

LUCIANO GUARALDO - Publicado em 20/05/2018, às 07h14

Depois de fazer uma temporada na prisão e outra em Brasília, a série 1 Contra Todos embarcou para a Bolívia para seu terceiro ano, atualmente em exibição na Fox. Para remontar o país no interior do Rio de Janeiro, a equipe da atração indicada ao Emmy Internacional precisou improvisar: importou lhamas e até "sequestrou" figurantes bolivianos.

"A primeira coisa que encomendei à produção foi um caminhão de lhamas", lembra, aos risos, o diretor Breno Silveira, um dos criadores da série. "Depois, fomos caçar bolivianos na rua, no centro do Rio. Um costurava, o outro trabalhava em uma loja de sucos... Lotamos um ônibus com 30 bolivianos, e eles iam filmar conosco na nossa 'Bolívia', que ficava no interior do Rio de Janeiro, numa área mais deserta."

Sem nenhuma experiência como atores, os estrangeiros acabaram ajudando a equipe de 1 Contra Todos. "Foi uma experiência linda, eles eram muito mais legais do que figurantes porque tinham opinião, construíam personagens, se ofereciam até para colaborar com o texto. Eu sempre defendo que, se você leva realidade ao projeto, acaba recebendo um input [uma contribuição] de volta", valoriza o diretor.

Montar essa Bolívia fajuta no Rio de Janeiro foi um desafio para Silveira, que prefere gravar em cenários de verdade. Para a segunda temporada de 1 Contra Todos, por exemplo, o protagonista Júlio Andrade chegou a gravar no plenário do Congresso, sem ter permissão, e saiu de lá correndo após ser reconhecido por um segurança.

No filme 2 Filhos de Francisco (2005), o diretor também precisou superar o aperto para rodar cenas na casa real (e minúscula) do pai de Zezé Di Camargo e Luciano.

"Eu gosto de sair do óbvio, de me desafiar, de testar os limites. Só odeio repetir cenário. Já tínhamos feito um ano na cadeia, outro em Brasília, para onde ir no terceiro ano? Se a história nos leva para a Bolívia, vamos para lá, por mais louco que seja montar uma Bolívia no meio do Brasil (risos)", explica Silveira.

O ator Júlio Andrade (à dir.) na Bolívia improvisada de 1 Contra Todos: no interior fluminense

História sem fim?
A série conta a história de Cadu (Júlio Andrade), um advogado que é preso injustamente ao ser confundido com o perigoso traficante Pepe (Roberto Birindelli) e, para sobreviver à cadeia, precisa se passar pelo criminoso. Depois de solto, ele se candidatou a deputado federal e acabou conquistando um cargo em Brasília. Em busca de vingança, decidiu seguir os passos de Pepe na Bolívia.

Inicialmente prevista para durar uma única temporada, 1 Contra Todos faz tanto sucesso que ganhou vida extra _a série é a segunda mais vista da Fox no Brasil, atrás apenas do fenômeno The Walking Dead. Agora, o próprio criador admite que não sabe mais quando a história de Cadu chegará ao fim.

"Cada vez que estou planejando uma temporada, penso se vai ser o fim da linha ou não. Mas a verdade é que nunca sabemos. E a Fox também não nos diz. Sempre encerramos um ano amarrando todas as pontas, mas deixando um jeito de puxar outra linha caso decidam fazer mais episódios", conta o diretor, que já tem uma eventual quarta temporada planejada. "E acho difícil o Cadu sair dessa, viu?", adianta.

Uma dificuldade para manter a série no ar por muito tempo é a agenda de Júlio Andrade, que também protagoniza a série Sob Pressão, na Globo.

"Sinto um ciúme do cão de vê-lo em outra produção. Dou tapa na cabeça dele, falo que ele fica muito feio de médico e que em 1 Contra Todos ele é galã, um bandido loiro", diverte-se Silveira. "Mas o Julinho é talentoso, acho incrível que ele seja capaz de fazer dois personagens tão diferentes com a mesma cara. Isso é coisa de gênio."

A terceira temporada de 1 Contra Todos é exibida às segundas-feiras, às 22h30, na Fox e no Fox Premium 2. Os oito episódios da atual fase e as duas temporadas anteriores podem ser vistas por assinantes no aplicativo do canal.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você está curtindo o programa Se Joga?
Sim, é divertido e leve.
22.27%
Não é horrível, mas também não é bom.
26.34%
Não, achei muito ruim, uma vergonha.
27.00%
Prefiro A Hora da Venenosa.
24.40%

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook