Deadly Class

Revelação da Netflix, Lana Condor abandona mocinha e vive assassina

Divulgação/Syfy

A atriz Lana Condor em cena de Deadly Class, série na qual ela dá vida a uma assassina espadachim  - Divulgação/Syfy

A atriz Lana Condor em cena de Deadly Class, série na qual ela dá vida a uma assassina espadachim

JOÃO DA PAZ - Publicado em 22/02/2019, às 05h42

No ano passado, Lana Condor conquistou os corações adolescentes e do público mais romântico com o filme Para Todos Os Garotos que Já Amei, da Netflix. Seis meses depois, ela volta a ser destaque na TV, porém na pele de uma personagem nada a ver com a tímida e inocente Lara Jean. A atriz de 21 anos agora é uma assassina na sombria Deadly Class.

Inédita no Brasil, a série do canal Syfy adapta a empolgante HQ homônima, uma das mais elogiadas desta década. Ambientada nos anos 1980, com traços noir, a atração tem uma trama incomum, sobre uma escola de assassinos cujos alunos são filhos de criminosos altamente perigosos. Lana aparece na pele de Saya Kuroki, integrante do Kuroki Syndicate, um grupo dissidente da yakuza, a máfia japonesa.

Lana Condor em poster da série Deadly Class

Em entrevista ao canal E!, Lana explicou por que decidiu entrar em Deadly Class e interpretar, logo no sequência, uma personagem tão diferente de Lara Jean. "Eu queria ir de um extremo ao outro e explorar diferentes gêneros [do entretenimento]", contou ao programa E! News. "Tudo para que as pessoas possam me ver sob um holofote diferente."

"Elas [Lara e Saya] são opostas uma da outra", continuou. "Lara não sobreviveria um dia em King's Dominion [a escola de Deadly Class]. Muito menos Saya iria aturar se vestir como Lara Jean".

E é justamente essa diferença de estilos que faz Lana brilhar e marcar presença na lista das revelações de Hollywood. Em Deadly Class, a atriz está praticamente irreconhecível, com um corte de cabelo curto, corpo cheio de tatuagens e uma espada (katana) que ela maneja no melhor estilo Michonne de Walking Dead.

Lana ganhou elogios por sua atuação na imprensa americana. Até a Variety, que criticou a série, disse que o talento de Lana Condor está sendo desperdiçado em Deadly Class. A revista TV Guide não hesitou ao dizer que a jovem atriz "rouba a cena" e que "ela é quem mais se destaca no elenco."

Edição de março da Cosmpolitan com Lana Condor

Capa de revista
Ícone teen instantâneo, Lana Condor virou uma sensação no Instagram. Nos dois primeiros meses depois de Para Todos os Garotos que já Amei, entre 10 de agosto e 8 de outubro, a atriz viu seus seguidores no Instagram saltarem de 100 mil para 5,5 milhões. Até essa semana, ela conta com 6,6 milhões de seguidores na rede social.

Tanta fama lhe rendeu um outdoor importante. Ela estampa a capa da edição norte-americana de março da revista Cosmopolitan, que chama a atriz de "rainha da Netflix [que] agora está rescrevendo as regras de Hollywood com sua nova série".

A agenda de Lana está cheia. "Trabalho 14, 15 horas por dia, todo dia", contou a atriz para a revista. Ela teve de filmar Deadly Class nos fins de semana. Nos outros dias, fazia a divulgação do filme Para Todos os Garotos que Já Amei.

Ela está envolvida na continuação do sucesso da Netflix, e também será protagonista de mais um longa, Summer Night, que tem no elenco outra estrela teen da década: Victoria Justice, da série Brilhante Victoria (2010-2013).

Tudo sobre

Netflix

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

O que falta para Amor de Mãe conquistar mais audiência?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook