Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

PEDIU PRA SAIR

Insuportável, atriz Ruby Rose não vai deixar saudades na produção de Batwoman

Divulgação/The CW

A atriz Ruby Rose, com jaqueta de couro e cabelo curto, faz expressão de surpresa em cena de Batwoman

A atriz Ruby Rose em cena da primeira temporada de Batwoman: ela não estava feliz na série

REDAÇÃO

Publicado em 20/5/2020 - 14h49

O pedido de demissão de Ruby Rose do elenco de Batwoman pegou os fãs de surpresa, mas já era esperado nos bastidores da série. Segundo o site TVLine, a atriz australiana estava descontente com o ritmo puxado de gravações, e não fazia questão de esconder isso. Ficou com fama de insuportável e não vai deixar saudades.

De acordo com fontes ouvidas pela publicação, a decisão de sair não foi 100% da protagonista. "Foi um rompimento. Ela não estava feliz trabalhando na série, e isso não a tornava uma pessoa legal de se conviver ou se trabalhar. Então todo mundo decidiu que seria melhor para a atração se ela seguisse outro rumo. Não deu liga", contou um integrante da equipe que não quis se identificar.

Modelo e DJ na Austrália, Ruby virou símbolo sexual e acabou enveredando para a atuação, em filmes como xXx: Reativado (2017) e Megatubarão (2018). Nas séries, ela participou de nove episódios de Orange Is the New Black (2013-2019), mas em um papel secundário, que exigia bem menos dela.

Ao assumir a protagonista de Batwoman, a atriz não gostou nada das longas horas de trabalho --especialmente porque, além da própria série, ainda teve que conciliar com aparições em Supergirl, Flash, Legends of Tomorrow e Arrow no megacrossover anual das atrações do chamado Arrowverse.

Ela também não se acostumou com a mudança para Vancouver, onde Batwoman é gravada, e fazia questão de reclamar sempre que possível. Também não trabalhou na divulgação da série --ela cancelou sua aparição nas duas maiores convenções dos Estados Unidos, a de San Diego e a de Nova York, alegando excesso de trabalho. Já Stephen Amell, astro de Arrow, conseguiu uma brecha na agenda e foi se despedir do público em um evento sobre a última temporada de sua atração.

Em busca de uma nova Batwoman

Os produtores não perderam tempo para informar que já estão à caça de uma nova atriz para protagonizar a segunda temporada de Batwoman. A principal exigência é que ela seja da comunidade LGBTQ+, como sua personagem.

Nos comunicados oficiais, os problemas de bastidores passaram longe. Tanto Ruby Rose quanto os produtores se desmancharam em elogios uns aos outros.

"Eu tomei a difícil decisão de não voltar para Batwoman na próxima temporada. Não foi algo que decidi sem pensar, porque tenho o máximo respeito pelo elenco, pela equipe e todos os envolvidos com a série em Vancouver e Los Angeles. Agradeço muito aos produtores, não só por me darem essa oportunidade incrível, mas por me darem as boas-vindas ao universo da DC", disse Ruby em comunicado à imprensa.

"Muito obrigada ao time da Warner Bros. e da rede The CW, que investiram tanto na série e sempre acreditaram em mim. Obrigada a todo mundo que fez da primeira temporada um sucesso --eu sou tremendamente grata", finalizou a atriz.

Na sequência, a CW, a Warner Bros. e a Berlanti Productions soltaram uma nota em conjunto agradecendo a australiana por sua contribuição com a série. "Desejamos a ela todo o sucesso do mundo. O estúdio e a rede CW seguem comprometidos com a segunda temporada de Batwoman e um futuro a longo prazo, e nós --juntamente com a equipe criativa-- estamos ansiosos para compartilhar a nova direção da série, inclusive com a escalação de uma nova protagonista e integrante da comunidade LGBTQ+, nos próximos meses."

Batwoman fez história como a primeira atração de TV protagonizada por uma heroína lésbica, e o produtor Greg Berlanti e a showrunner Caroline Dries, ambos homossexuais assumidos, faziam questão de ter alguém da comunidade no papel principal. O requisito não mudou com o pedido de demissão de Ruby.

A primeira temporada de Batwoman gravou 20 dos 22 episódios inicialmente previstos, e o último foi exibido no domingo (17) nos Estados Unidos. No Brasil, a atração é exibida pela HBO às sextas-feiras.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Quem deve ser a nova Juma Marruá?