Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

CHEGOU AO FIM

Euphoria: 2ª temporada humaniza Rue e pega fogo com dramas de coadjuvantes

DIVULGAÇÃO/HBO

Imagem de Zendaya caracterizada como Rue (à esq.) abraçando Mude Apatow caracterizada como Lexi em cena de Euphoria

Zendaya e Mude Apatow em cena de Euphoria; segunda temporada da série da HBO chegou ao fim

PAOLA ZANON

paola@noticiasdatv.com

Publicado em 28/2/2022 - 13h14

A segunda temporada de Euphoria chegou ao fim neste domingo (27). O último episódio terminou de humanizar Rue (Zendaya) e deixou mais claros os motivos de ela ter começado a usar drogas. A protagonista, porém, chegou a ficar em segundo plano com tantos dramas acontecendo ao mesmo tempo.

Com os dois últimos episódios narrados a partir da peça de Lexi (Mude Apatow), a melhor amiga de Rue conquistou o destaque devido desde a primeira leva de episódios. A irmã mais nova de Cassie (Sidney Sweeney) ainda ganhou um par romântico e virou a nova queridinha do público.

Outro ponto alto foi o romance escondido de Cassie com Nate (Jacod Elordi), ex-namorado de sua melhor amiga, Maddy (Alexa Demie). A descoberta do caso foi uma das coisas mais aguardadas pelos telespectadores e não deixou a desejar. Já Kat (Barbie Ferreira) e Jules (Hunter Schafer) ficaram apagadas.

[Atenção: Contém spoilers da 2ª temporada de Euphoria abaixo]

No fundo do poço

Rue teve um episódio inteiro dedicado às consequências de seu vício, mesmo após ter sofrido uma overdose. Mas foi durante a peça de Lexi que seus motivos ficaram claros. A protagonista sempre frisou o quanto sentia a falta do pai, que morreu de câncer.

Pelo ponto de vista da melhor amiga, Rue encontrou conforto nas substâncias que passou a usar já no dia do velório do patriarca --alguns remédios de tarja preta que, inclusive, pegou dele. Ao fim da temporada, a personagem de Zendaya aparece limpa e disposta a ficar bem.

Destaque merecido

Lexi, que na primeira temporada foi se resumiu a ser a ex-melhor amiga de Rue, foi de observadora a expositora. A caçula de Cassie foi aclamada pelos outros personagens e pelos telespectadores ao mostrar os podres de sua vida para todos através de sua peça.

Ela ainda ganhou uma trama romântica ao lado de Fezco (Angus Cloud), que foi construída do primeiro ao último episódio da temporada. Apesar de não terem se beijado, ficou evidente a química e os sentimentos entre eles. De quebra, Lexi ainda se reaproximou de Rue.

Triângulo amoroso

Um dos pontos mais altos da temporada foi o romance escondido entre Cassie e Nate. A irmã mais velha de Lexi ignorou a amizade com Maddy e se apaixonou pelo vilão, mesmo escutando o quanto sua melhor amiga gostaria de voltar com ele.

A descoberta do caso fez com que Maddy crescesse e Cassie diminuísse em relação à primeira temporada, já que a loira se tornou inteiramente submissa ao namorado maníaco, enquanto a morena finalmente conquistou sua liberdade e ainda deu uma surra na talarica. 

Para Nate, sobraram os mistérios envolvendo seu passado. O atleta criou coragem para enfrentar Cal (Eric Dane) e contar sobre como seus casos extraconjugais com homens, transgêneros e travestis havia afetado sua infância. O personagem de Elordi ainda entregou o pai para a polícia. 

Esquecidas

A personagem de Hunter Schafer, que foi co-protagonista na primeira temporada, perdeu muito tempo de tela. Jules só aparecia ao lado de Rue ou Elliot (Dominic Fike) e conquistou a antipatia do público ao traí-la com o atual melhor amigo de ambas.

Após o término, a loira ficou ainda mais em segundo plano e só apareceu queimando o DVD com o vídeo que Cal gravou durante a relação sexual deles. Ela tentou se reaproximar de Rue, mas a adolescente ainda não estava disposta a encará-la por ter sido dedurada para a mãe dela.

Quem também perdeu destaque em relação à primeira temporada foi Kat (Barbie Ferreira), a melhor amiga de Maddy que estava descobrindo seu corpo e sua sexualidade. A personagem teve uma evolução constante no começo, mas ficou estagnada no relacionamento com Ethan (Austin Abrams) e terminou com ele de um jeito conturbado.

Pontas soltas

Com a terceira temporada confirmada para 2024, alguns arcos ainda ficaram abertos. Rue entrou para o tráfico e depois que sua mãe jogou fora a mala de drogas, ficou devendo cerca de oito mil dólares para Marsha (Paula Marshall), uma traficante vingativa e perigosa. A protagonista ainda não lidou com as consequências dessa escolha. 

Já o traficante queridinho, Fezco, em vez de assistir a peça de Lexi e se declarar para ela, acabou preso e viu o caçula adotivo ser morto pela polícia. O irmão de Ash (Javon Walton) deve ir à julgamento, o que pode colocar o relacionamento com a melhor amiga de Rue em cheque.

Mais um enredo em aberto foi o namoro de Cassie e Nate, já assumido para a escola inteira. Apesar de o atleta ter dispensado a loira, é evidente que as decisões amorosas dele não são tão simples assim. O futuro da relação ficou ainda mais certo quando Maddie afirmou que o término era apenas o começo, já que ela mesma precisou lidar com as idas e vindas com o vilão.

Todos os episódios das duas temporadas de Euphoria estão disponíveis nas plataformas digitais da HBO.


Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.