Regina King

Atriz fica surpresa com Emmy por série cancelada: 'Pensei que só negros assistiam'

Divulgação/Netflix

Regina King em Seven Seconds; série cancelada virou minissérie e deu um Emmy para a atriz - Divulgação/Netflix

Regina King em Seven Seconds; série cancelada virou minissérie e deu um Emmy para a atriz

REDAÇÃO - Publicado em 10/10/2018, às 06h11

A grande surpresa do Emmy deste ano foi o prêmio dado a Regina King por uma série cancelada. Protagonista de Seven Seconds (2018), da Netflix, ela confessou que não estava preparada para receber a estatueta por achar "que só negros assistiam" ao drama policial e porque a "maioria dos integrantes da Academia [de Televisão, que faz o Emmy] é branca".

Zebra no Oscar da TV, Regina detalhou sua reação à vitória para a revista Variety. A atriz deixou claro que as caras e bocas demonstradas na cerimônia não foram falsas. "Com toda a franqueza, esse prêmio foi o mais surpreendente [da minha carreira]", falou. Foi seu terceiro Emmy _os outros dois foram por American Crime.

"A maior parte dos telespectadores que assistiram a American Crime eram brancos, sinceramente", disse Regina. "Mas com Seven Seconds, eu pensei que só negros acompanhavam a trama, pelo que observava nas conversas que eu tinha com as pessoas no dia a dia."

À primeira vista, Seven Seconds tem de fato um apelo maior à população negra. No drama, Regina King viveu Latrice Butler, mãe de um adolescente negro morto por um policial branco, que o atropelou quando o garoto andava de bicicleta. A história mergulha em questões raciais, aborda a fé evangélica, aponta falhas no sistema criminal e escancara a corrupção policial.

reprodução/television academy

Regina King em seu discurso no Emmy de 2018; atriz tem três estatuetas do Oscar da TV

A atração não deu tanto público ou repercussão para a Netflix, que preferiu cancelá-la. Mas, vendo potencial em Regina no Emmy, a gigante do streaming transformou a série (trama com história que pode se arrastar por várias temporadas) em uma minissérie (com começo, meio e fim). Só a indicação já foi um grande feito.

Nas bolsas de apostas de Las Vegas, a atriz era considerada azarão. O posto de favorita era de Jessica Biel (por The Sinner), e Michelle Dockery (de Godless) corria por fora. "Eu estava em uma categoria com atrizes maravilhosas. Então, fiquei feliz só de poder ir ao Emmy e mostrar meu lindo vestido", ironizou.

Ao ser anunciada como vencedora e ser aplaudida de pé pela plateia e pelos colegas de Hollywood, ela percebeu que a série teve abrangência maior do que esperava. "Fiquei feliz, porque pensava que Seven Seconds estava falando apenas para um número pequeno de pessoas. Naquele momento, notei que fomos muito além."

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Como você acha que Rick vai sair de Walking Dead?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook