Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Análise

Vídeo Show quebra regra da Globo e coloca jornalista para pagar mico

Glenda Kozlowski dubla Cyndi Lauper no Vídeo Show desta segunda-feira (14) -

Glenda Kozlowski dubla Cyndi Lauper no Vídeo Show desta segunda-feira (14)

DANIEL CASTRO

Publicado em 14/9/2015 - 14h41
Atualizado em 15/9/2015 - 14h41

Existe uma regra na Globo que diz que todo jornalista da emissora, profissional sério que é, não pode aparecer dançando ou cantando nos programas da casa. Existia. Essa regra foi quebrada duas vezes em menos de 60 dias, numa clara demonstração de que a Globo nunca mais será a mesma depois da gestão de Carlos Henrique Schroder, o atual diretor-geral, no cargo desde o final de 2012.

Primeiro, a cúpula da emissora permitiu que o jornalista Fernando Rocha, apresentador do Bem Estar, participasse da Dança dos Famosos de 2015. A mesma Dança dos Famosos que teve, repetidas vezes nos últimos anos, vetado o nome de Tiago Leifert, então apresentador do Globo Esporte. 

Nesta segunda (14), o Vídeo Show deu mais um golpe na regra dos jornalistas sérios que não dançam nem cantam nem dublam _a não ser que migrem para a área de entrenimento, casos de Fátima Bernardes, Zeca Camargo e, recentemente, Tiago Leifert. Escalou Glenda Kozlowski, apresentadora do Esporte Espetacular, para dublar Cyndi Lauper. A jornalista seriona das manhãs de domingo apareceu toda divertida de peruca ruiva, óculos escuros e figurino dos anos 1980 imitando os trejeitos da cantora que fez sucesso com Girls Just Wanna Have Fun. 

Sem medo de pagar mico, Glenda ainda compareceu na bancada do Vídeo Show, onde Monica Iozzi e Otaviano Costa falaram da "humanização" do jornalista global e agradeceram ao diretor-geral de Jornalismo, Ali Kamel, por ter "deixado Glenda brincar" com eles.

"A gente está num processo muito legal na nossa emissora. A televisão já sacou que não dá pra gente ficar preso a um quadrado, preso a barreiras, às margens. Nós temos que trazer cada vez mais esse público que está em casa pra cá, e a gente tem que ser cada vez mais a gente para que eles [os telespectadores] se identifiquem", discursou Otaviano Costa, percebendo o momento histórico.

E, entre imagens de Glenda disputando campeonatos de bodyboarding (ela é tretracampeã mundial do esporte), os apresentadores do Vídeo Show aproveitaram para desafiar Alex Escobar, colega de cenário de Glenda no Esporte Espetacular, para participar do Dublagem War (cópia malfeita do Lip Sync Battle, no ar no Comedy Central), competição de dublagem que o programa vem promovendo com artistas globais _até Glenda, apenas atores, como Rainer Cadete e Tiago Abravanel, tinham aparecido.

A Globo está mudando. Isso não quer dizer que William Bonner, hoje em um Jornal Nacional menos engessado, virá a participar da Dança dos Famosos ou do Dublagem War. Mas o que se vê atualmente era impensável até alguns anos atrás, quando as pesquisas começaram a mostrar para a Globo que ela precisava ficar mais parecida com o brasileiro. Mais informal.

Com o Vídeo Show, a Globo passou a fazer piada dela mesma, meio que no improviso. Sinal dos tempos em que a novela das nove já não reina absoluta.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Prêmio NTV Melhores do ano

Leia também

Enquete

Qual foi o melhor telejornal ou programa jornalístico do ano?

Web Stories

+
Divórcio, tragédia e treta: 5 notícias que peões de A Fazenda 13 não sabemJuan Paiva rouba a cena em Um Lugar ao Sol; conheça a história do atorGui Araujo deixa A Fazenda 13 após expor lado prepotente e preconceituoso; relembreDe série na Netflix a aposentadoria: Por onde anda o elenco de O Cravo e a Rosa?Vladimir Brichta contracena com a filha em Quanto Mais Vida, Melhor; veja outros casos

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas