Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Há 14 anos

Por ibope, Globo colocou mulheres nuas na estreia de Cobras & Lagartos

Reprodução/TV Globo

Carolina Dieckmann com expressão espantada em cena como a vilã Leona no primeiro capítulo de Cobras & Lagartos

Carolina Dieckmann em cena como a vilã Leona no primeiro capítulo de Cobras & Lagartos, em 2006

REDAÇÃO

Publicado em 25/4/2020 - 5h13

Há exatos 14 anos, a Globo queria levantar a audiência da faixa de novelas das 19h, que havia caído bastante com o fracasso de Bang Bang (2005). Por isso, logo no primeiro capítulo de Cobras & Lagartos (2006), a nudez foi explorada, assim como cenas de crime e de insinuação sexual. A apelação chamou a atenção do público e do Ministério da Justiça.

No capítulo de estreia, modelos com os seios de fora apareceram em uma cena, o que gerou reclamações do público. Na reprise de Cobras & Lagartos no Vale a Pena Ver de Novo, em 2014, essa cena foi cortada. Os capítulos foram reeditados para que a exibição durante a tarde fosse permitida. 

A trama contava a história de amor entre Bel (Mariana Ximenes) e Duda (Daniel de Oliveira), conturbada pelas vilanias de Leona (Carolina Dieckmann) e as armações de Foguinho (Lázaro Ramos) e Ellen (Taís Araujo).

As histórias desses personagens e dos coadjuvantes rapidamente fizeram sucesso e renderam boa audiência à novela (que teve média geral de 38 pontos), mas o autor João Emanuel Carneiro apelou do início ao fim para atiçar o drama.

Com muitas referências a sexo, consumo de drogas, violência, agressões e demonstrações de discriminação, o Ministério da Justiça considerou a novela imprópria para o horário e para a classificação livre.

O órgão chegou a instaurar um processo administrativo contra a Globo com base em denúncias sobre diálogos discriminatórios e cenas impróprias. A discriminação vinha principalmente da personagem Milu (Marília Pera), uma perua falida que tinha preconceito contra nordestinos.

Segundo a Folha de S.Paulo, a Globo foi comunicada sobre o conteúdo impróprio da novela e recebeu duas recomendações do Ministério da Justiça para que houvesse mudanças na novela, mas não cumpriu a solicitação.

A novela foi reclassificada de livre para imprópria para menores de 12 anos, mas apenas depois de seu encerramento. Cobras & Lagartos chegou ao fim em novembro de 2006, e foi considerada um dos maiores sucessos de todos os tempos da faixa.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?