Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Juntos no fim

Orgulho e Paixão: Luccino e Otávio têm final feliz com porta secreta para encontros

Estevam Avellar/TV Globo

Luccino (Juliano Laham) e Otávio (Pedro Henrique Müller) ficarão juntos em Orgulho e Paixão - Estevam Avellar/TV Globo

Luccino (Juliano Laham) e Otávio (Pedro Henrique Müller) ficarão juntos em Orgulho e Paixão

REDAÇÃO

Publicado em 20/9/2018 - 8h16

Luccino (Juliano Laham) e Otávio (Pedro Henrique Müller) arrumarão um jeito de driblar o preconceito para ter um final feliz em Orgulho e Paixão. O casal decidirá morar em casas vizinhas com uma porta secreta para facilitar os encontros sem despertar suspeitas nos moradores da rua. Eles aparecerão felizes no último capítulo comemorando cinco anos de relação.

No capítulo desta sexta-feira (21), Otávio entregará um cordão para representar a união com Luccino e sugerirá que eles fiquem juntos. "Era da minha mãe. É a única lembrança que me restou dela. Luccino Pricelli, você aceita ser meu... Vizinho?", perguntará, ao italiano, que reagirá animado com a declaração.

"Claro que sim. Hoje e por todos os dias da minha vida". E Otávio completará enquanto coloca o colar em seu pescoço: "Que bom que aceitou. Vamos começar uma vida nova, juntos. Isso merece uma comemoração", falará o militar.

reprodução

Juliano Laham (Luccino) e Pedro Henrique Müller (Otávio) comemoram sucesso do casal gay

"Então vamos comemorar, amore mio. Até esse gramofone parar de tocar e depois também", concordará Luccino, fazendo carinho no rosto de Otávio durante a dança romântica do casal.

O plano concretizado do casal será mostrado no último capítulo, que será exibido na próxima segunda-feira (24). Após um salto de cinco anos na história, eles aparecerão entrando cada um em sua casa, uma ao lado da outra.

"Luccino vai até uma porta interna na parede que faz divisa com a casa de Otávio. Abre. Um florete adentra", diz a descrição da cena no roteiro entregue aos atores. "Preparado pra se defender?", perguntará o oficial. "Tive o melhor professor!", responderá Luccino, com um sorriso no rosto.

O diálogo final será em meio a uma luta de esgrima do casal de Orgulho e Paixão. "Pena que seja um aluno ingrato e pouco romântico, e não tenha lembrado de que hoje faz cinco anos que começamos a... Treinar!", disparará Otávio.

"Quem disse que não lembrei? Estava contando os minutos pra chegar em casa e comemorar!", rebaterá o italiano. Os dois vão sorrir com as espadas apontadas para o coração um do outro.

Últimas de Orgulho e Paixão


Outras Novelas

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você quer ver no retorno de Amor de Mãe?