Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Novela das nove

A Lei do Amor: Tiago tem alucinações com Isabela e quase sofre acidente

Reprodução/TV Globo

Humberto Carrão (Tiago) em A Lei do Amor; rapaz ficará perturbado com sumiço da namorada - Reprodução/TV Globo

Humberto Carrão (Tiago) em A Lei do Amor; rapaz ficará perturbado com sumiço da namorada

ODARA GALLO

Publicado em 25/11/2016 - 5h25

Tiago (Humberto Carrão) ficará atormentado com o sumiço de Isabela (Alice Wegmann) e por pouco não sofrerá um acidente na estrada em A Lei do Amor. O rapaz terá certeza de que viu a garota próximo à pista e derrapará com a moto para tentar alcançá-la, mas ela sumirá em seguida.

Sem saber se Isabela sobreviveu ao atentado sofrido por eles em um barco, Tiago seguirá perturbado e terá alucinações. A primeira delas será logo depois que o rapaz adormecer olhando o retrato da amada. "Aos poucos, a porta do quarto se abre. A luz que entra desperta Tiago, ele olha para a porta e vê Isabela ali", diz a descrição da cena no roteiro entregue aos atores.

"Isabela! Meu amor! Que bom que você voltou pra mim, meu amor, te amo tanto, tanto", falará Tiago, enquanto abraça e beija Isabela na cama. Na sequência, o rapaz despertará aos berros e será revelado que tudo não passou de um sonho.

"Sonhei com a Isabela, mas parecia tão real. O toque, o cheiro. Era ela, viva, nos meus braços!", explicará Tiago, ao ser questionado por Ana Luiza (Bianca Müller), que ficará preocupada com a sanidade mental do irmão.

A garota chegará a comentar com Pedro (Reynaldo Gianecchini) sua desconfiança de que Tiago possa estar obsessivo. "Tio, o meu irmão tá muito mal! Ele não tá aceitando a realidade! Essa obsessão pela Isa tá se tornando doentia! Aconselha o Tiago a procurar um psiquiatra!", pedirá ela.

"Não se preocupe com o Tiago! Ele gosta da vida, vai mergulhar no trabalho, sair com outras garotas, e a fila também vai andar pro seu irmão!", ponderará o arquiteto.

Para esquecer o sumiço de Isabela, Tiago se jogará de cabeça no trabalho e trocará seu carro por uma moto por causa da adrenalina. Será durante uma viagem em alta velocidade com a nova máquina que ele supostamente avistará Isabela.

"Tiago dispara com sua moto em alta velocidade na estrada deserta, farol alto ilumina o caminho. Até que Tiago percebe uma mulher vestida de branco assomando no meio da estrada. É Isabela. Ele toma um susto, freia, desvia e derrapa, mas não cai. Atordoado, ele tira o capacete e procura ao redor", diz o roteiro.

O filho de Hércules (Danilo Granghéia) chamará pela namorada na estrada, mas não a encontrará. Em seguida, ele procurará Helô (Cláudia Abreu) para contar o ocorrido. "Você viu mesmo a Isa em Paraty? Ou só disse aquilo pra eu não me sentir culpado?", questionará ele.

"Se não era a Isabela, era gêmea idêntica! Mas por que veio me perguntar isso depois de quase sofrer um acidente? Não estou entendendo!", estranhará Helô. "Eu acho que vi a Isabela hoje na estrada. Não era alucinação nem assombração! Foi a Isa que eu vi!", afirmará Tiago.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro


Confira quatro reportagens especiais sobre A Lei do Amor:

Ator é obrigado pela namorada a assistir novela da Record
Claudia Raia fez teste do sofá com sarados e apimentou a trama
Para levantar novela, Globo cortou falas de empregadas e doença de criança
Bumbum de Grazi Massafera virou a grande sensação do folhetim

Últimas de A Lei do Amor

Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.