Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

IZABEL DE OLIVEIRA

Ex-Globo, autora de novela fenômeno de audiência assina com a HBO Max

DIVULGAÇÃO/GLOBO

Izabel de Oliveira com os braços cruzados e sorrindo na apresentação de uma novela na Globo

Izabel de Oliveira: autora de Cheias de Charme (2012) prepara sinopse de novela para a HBO Max

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 24/5/2022 - 15h18
Atualizado em 24/5/2022 - 19h58

Autora da novela Cheias de Charme (2012), fenômeno na faixa das 19h da Globo na década passada, Izabel de Oliveira é a nova contratada da HBO Max. O serviço de streaming encomendou uma sinopse de uma novela que entrará em pré-produção em 2024 e fará parte do projeto de telesséries que a plataforma estreará a partir do ano que vem. 

Já houve conversas entre Izabel, Silvio de Abreu e Mônica Albuquerque, executivos ex-Globo que estão à frente dos projetos de telesséries na HBO Max. Não houve qualquer orientação para que o projeto assinado pela roteirista fosse mais voltado para o humor, com camadas mais leves --sua marca registrada na antiga emissora. 

A informação de que a cocriadora das "empreguetes" havia fechado com a plataforma foi publicada em primeira mão pela coluna do Flavio Ricco, no portal R7, no último dia 2. O Notícias da TV confirmou a informação e também descobriu que a sinopse deve ser entregue no fim do ano.

A HBO Max projeta um planejamento muito antecipado para adiantar os trabalhos de pós-produção e gravações, que são as etapas que mais demandam tempo na área de streaming. Isso faz a estreia do produto final na HBO Max demorar mais em relação à plataforma linear da TV aberta, por exemplo. 

Como informou o Notícias da TV nesta terça-feira (24), a Discovery deu sinal verde para as produções de novelas na HBO Max, mesmo com os cortes que foram feitos na fusão com a WarnerMedia, aprovada em abril no mercado dos Estados Unidos. Os custos baixos de produção e o retorno financeiro certo foram os fatores que fizeram os planos seguirem. 

Izabel de Oliveira deixou a Globo em 2020, ao fim de seu contrato com a emissora na qual trabalhou durante 20 anos. Por lá, inicialmente foi colaboradora de produções como Esplendor (2000), Estrela Guia (2001), Sabor da Paixão (2002) e Duas Caras (2007). 

Entre 2004 e 2006, foi uma das autoras de Malhação (1995-2022). Ela ajudou a escrever a temporada de maior sucesso e que é mais lembrada pelo público da novelinha jovem: a da Vagabanda, que revelou nomes como Marjorie Estiano, Guilherme Berenguer e Juliana Didone em 2004. 

Em 2012, estreou como autora principal com o pé direito. Em parceria com Filipe Miguez, Izabel de Oliveira escreveu Cheias de Charme. A novela contou a história de três empregadas domésticas que viraram estrelas da música. As canções da trama, como Vida de Empreguete, chegaram a figurar entre as mais tocadas nas rádios de todo o Brasil. 

Porém, após o êxito do folhetim, ela nunca mais conseguiu repetir tal feito. Ainda em parceria com Filipe Miguez, assinou Geração Brasil (2014), um fracasso retumbante em audiência e crítica. Sua última novela foi Verão 90 (2019), que não foi um enorme sucesso, mas teve seus fãs cativos. 


Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.