Novela das nove

Em Babilônia, Inês será acusada de matar Murilo com furador de gelo

Reprodução/TV Globo

Adriana Esteves (Inês) em cena da novela Babilônia, da Globo; advogada será acusada de assassinato - Reprodução/TV Globo

Adriana Esteves (Inês) em cena da novela Babilônia, da Globo; advogada será acusada de assassinato

REDAÇÃO - Publicado em 13/08/2015, às 08h41

Inês, personagem de Adriana Esteves em Babilônia, da Globo, será apontada como a principal suspeita pela morte de Murilo (Bruno Gagliasso). O crime vai ao ar nesta quinta-feira (13) na novela das nove da Globo, mas uma testemunha só a acusará de ter furtado a arma que matará o cafetão, um furador de gelo, no capítulo do dia 22. Otávio (Herson Capri) vai ajudar Beatriz (Gloria Pires) a subornar um funcionário da boate de Guto (Bruno Gissoni). O rapaz dirá à polícia que viu a advogada pegar o furador de gelo na noite do crime. 

A delegada Vera (Maíra Charken) e o investigador Zé Henrique (Antônio Gonzalez) vão surgir em cena interrogando a testemunha. Eles mostrarão as imagens da câmera de segurança da boate. O atendente explicará que o furador de gelo estava guardado embaixo do balcão. Inês vai aparecer no vídeo encostada no bar, mas não dará para ver se ela pega ou não algum objeto. O garçom, porém, a reconhecerá.

"Ela me pediu mais gelo, aproveitou que eu virei de costas, pegou o furador e guardou na bolsa, achou que eu não estava vendo", afirmará o funcionário da boate. "Pena que o corpo dela impede a visão", comentará Vera.

"Mas eu vi ela guardando o furador", insistirá o rapaz. Ele alegará que não procurou a polícia antes porque estava esperando para ser chamado a depor. "Eu não sabia quem era essa mulher. Só hoje, quando vocês me mostraram essas fotos, é que eu reconheci ela", afirmará a testemunha.

Ele ainda dirá que não costuma levar casos de pequenos furtos para os patrões e que isso acontece muito em bares e boates. "Aquilo não tem muito valor, eu achei que fosse mais uma cleptomaníaca, já trabalhei em restaurante, estou cansado de ver cliente levar lembrancinha, a gente é orientado a não dizer nada pra não criar escândalo", responderá o rapaz, chamado no roteiro pelo nome de João. 

Logo depois disso, Vera vai encerrar as investigações, apontando Inês como a assassina de Murilo. A advogada deduzirá que Beatriz armou para ela ser incriminada. Inês vai procurar a rival no apartamento de Otávio, local onde ela passa a morar depois de matar Carlos Alberto (Marcos Pasquim).

As duas vão discutir, e a mãe de Alice (Sophie Charlotte) dará um tiro na rival. O ferimento não terá gravidade, e Otávio chamará um médico para atender Beatriz em casa. Ele não permitirá que a amada denuncie Inês por tentativa de homicídio.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é seu programa favorito gravado na quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook