Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

ESSA PANDEMIA FINDARÁ?

Cinco manias para Lurdes provar que sobreviveu à quarentena em Amor de Mãe

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

A atriz Regina Casé chora com as mãos entrelaçadas no peito, ela está caracterizada como Lurdes em cena de Amor de Mãe

Lurdes (Regina Casé) em cena de Amor de Mãe; novela de Manuela Dias abordará a crise sanitária

DANIEL FARAD

vilela@noticiasdatv.com

Publicado em 6/12/2020 - 7h00

Manuela Dias sempre defendeu que o realismo de Amor de Mãe era perceptível até nos menores detalhes da novela das nove. Lurdes (Regina Casé), por exemplo, sempre andou por aí como uma toalha no ombro e uma sombrinha na bolsa, à imagem e semelhança de tantas mulheres reais pelas ruas do Rio de Janeiro. A protagonista, aliás, é uma das peças-chave para a roteirista provar que também vai manter um olhar apurado sobre a pandemia de coronavírus (Covid-19).

A crise sanitária rachou o folhetim em duas partes com a paralisação das gravações nos Estúdios Globo, no Rio de Janeiro, por conta do vírus Sars-Cov-2 em março.

Em entrevista ao Notícias da TV, a escritora já revelou que abordará a epidemia em seus momentos mais delicados. Alguns personagens vão contrair a doença, outros aparecerão só pela tela de um computador.

Com apenas mais 23 capítulos para concluir sua história, Manuela precisará apelar para os pormenores para mostrar como Lurdes sobreviveu ao isolamento.

Já que o papel de Regina Casé se tornou uma espécie de arquétipo da maternidade, nada mais justo do que ela também mergulhar em algumas manias que fizeram a cabeça das matriarcas durante a quarentena. 

FOTOS: JOÃO COTTA E ARTHUR MENINEA/TV GLOBO

Lurdes (Regina Casé) paga promessa na trama

Live de missa

Nos primeiros capítulos, Thelma (Adriana Esteves) ajudou a então amiga a cumprir uma promessa que fez para a sua santa de devoção assim que chegou no Rio de Janeiro. Elas distribuíram comida para algumas crianças em situação de rua na frente da Igreja da Candelária, no centro do Rio.

Cada vez mais perto de encontrar o filho perdido, Lurdes deve ter se juntado às mães mais fervorosas na descoberta de que as lives não serviam apenas para apaziguar a saudade dos cruzeiros de Roberto Carlos. Padres, pastores, pais de santo, monges e diáconos se esforçaram para transmitir uma palavra de esperança por meio de qualquer pacote de dados.

Crochê

A avó de Brenda (Clara Galinari) provavelmente se juntou ao exército de pessoas que produziram crochê em quilometragem suficiente para cobrir o litoral do Oiapoque (AP) ao Chuí (RS). São caminhos de mesa, protetores de vaso sanitário, capas de almofada e até os puxa-sacos, em extinção após decretos que restringem o uso de sacolas plásticas em diversas cidades.

Lurdes deve ter crochetado até mesmo alguma proteção para os frascos das vacinas contra o novo coronavírus, cuja distribuição ainda impõe desafios a países continentais como o Brasil. A busca pelo medicamento já está perto do fim --ao contrário da procura da babá por Danilo/Domenico (Chay Suede).

A protagonista de Regina Casé e sua cozinha

Mão na massa

Uma mulher de fé, a personagem de Regina Casé sabe que nem só de pão viverá o homem. Uns dos alimentos mais antigos da humanidade, os filões viraram mania entre pessoas de todas as idades durante a quarentena. O fermento praticamente desapareceu das prateleiras enquanto o mundo todo colocava a mão na massa.

A mãe de Magno (Juliano Cazarré) já mostrou que tem mão boa tanto para cozinha quanto para economia doméstica. A panificação caseira seria uma forma de saciar a fome incontrolável de Ryan (Thiago Martins), que pelo retrospecto também descontaria na comida a ansiedade por ficar longe dos palcos.

Álcool gel

A ode ao álcool gel na pandemia é a vitória das três protagonistas. Lurdes daria banho com a substância em todas as compras e, de quebra, ainda colocaria as sacolas de molho no sabão.

Thelma cobriria Danilo com litros do produto. Enquanto isso, Vitória (Taís Araujo) entupiria Tiago (Pedro Guilherme Rodrigues) com potes e mais potes de álcool para suprir sua ausência pelas videoconferências de trabalho diárias.

Regina Casé em cena do folhetim da Globo

Proteção extra

As máscaras de pano se tornaram praticamente uma parte importante do cotidiano, ainda que alguns insistam em aposentá-las antes da hora. Elas são feitas dos mais diversos materiais, e a criatividade é o limite: há tutoriais para transformar lenços, meias, camisas e até mesmo cuecas no equipamento de proteção. Lurdes sempre teria uma na bolsa para oferecer aos incautos.

Prêmio NTV Melhores do ano


Últimas de Amor de Mãe


Resumos Semanais

Resumo da novela Amor de Mãe: Capítulo de 6 de abril

Terça, 6/4 (Capítulo 122)
Penha chega para resgatar Álvaro. Danilo sonda Thelma sobre o sítio. Raul e Sandro se desesperam ao não conseguir falar com Vitória. Nuno revela a Danilo que Thelma deixou o hospital com outro bebê nos braços ... Continue lendo


Outras Novelas

Leia também

Enquete

Quem foi o melhor ator ou atriz de novela do ano?

Web Stories

+
Mansão nova, presença VIP e publis: Saiba tudo sobre a carreira de Deolane BezerraÚltima temporada de La Casa de Papel: Após o fim, série já tem spin-off confirmadoFicção virou realidade: Casa de Esqueceram de Mim é aberta ao público; veja fotosDivórcio, tragédia e treta: 5 notícias que peões de A Fazenda 13 não sabemJuan Paiva rouba a cena em Um Lugar ao Sol; conheça a história do ator

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas