Congelados

Após erros de Deus Salve o Rei, Globo traz conflito de épocas cheio de humor

Fotos: João Miguel Júnior/TV Globo

Nicolas Prattes e Juliana Paiva viverão mocinhos de épocas diferentes que se apaixonam - Fotos: João Miguel Júnior/TV Globo

Nicolas Prattes e Juliana Paiva viverão mocinhos de épocas diferentes que se apaixonam

MÁRCIA PEREIRA - Publicado em 13/06/2018, às 06h07

Imagine passar 132 anos congelado em um iceberg e ser encontrado em uma praia? É isso que acontecerá com parte dos personagens de O Tempo Não Para. Apesar da história nonsense, a substituta de Deus Salve o Rei estreará com um pé na loucura para depois cravá-lo na realidade. Leve e cheia de humor, a nova trama aposta no folhetim clássico para entreter o público afugentado com os erros da atual novela das sete.

A história de Mario Teixeira gira em torno da paixão entre Marocas (Juliana Paiva), uma jovem do século 19, e Samuca (Nicolas Prattes), um empresário antenado e bem-sucedido dos dias atuais. Os conflitos das pessoas congeladas com as que vivem em 2018 servirão para fazer rir. Serão coisas corriqueiras, banais, como pegar um café na máquina ou ligar um carro com o simples virar de uma chave.

Só o capítulo de estreia, previsto para 31 de julho, se passará em 1886. Efeitos tecnológicos, cenários sombrios, excesso de personagens e vilanias gratuitas, tudo aquilo que não deu certo na trama medieval, ficarão de fora da novela.

"Temos 3D na estreia, depois é o trabalho normal de uma novela. Só treinamos o nosso olhar para enxergar esse estranhamento que os congelados têm de tudo", conta o diretor artístico da nova trama, Leonardo Nogueira.

Alardeada como inovadora e com a maior equipe de efeitos visuais das novelas, Deus Salve o Rei derrapou não só na audiência. Precisou de vários ajustes e até a intervenção de outro autor para ter uma história a ser contada.

Família congelada: Sabino (Edson Celulari), Augustina (Rosi Campos), Marocas (Juliana Paiva) e as gêmeas Nico (Raphaela Alvitos) e Kiki (Natalia Rodrigues)

Choque de realidade é base
A família de Marocas é poderosa, dona de muitas terras em São Paulo. A fazenda em que viviam em 1886 atualmente sedia dois grandes bairros da zona norte da cidade: Freguesia do Ó e Brasilândia. Ricos, eles fretarão um navio para irem para a Europa levando até bichos de estimação e escravos. 

Só que a embarcação naufragará. Da confusão no navio, já haverá o salto no tempo. Samuca estará surfando em uma praia do Guarujá (litoral de São Paulo) quando se deparará com um grande bloco de gelo com pessoas aparentemente dormindo dentro. 

"Eles viram notícia, vão achar que é pegadinha, vão achar que eles querem aparecer para entrar no Big Brother. Poucos vão acreditar que eles sobreviveram intactos congelados por todos esses anos", conta Juliana Paiva.

Enquanto o caso estiver sendo investigado por cientistas, a família vai ter de se adaptar à nova realidade. O mundo mudou de lá para cá e até o português deles ficou ultrapassado. Eles vão enfrentar várias barreiras.

"O texto é divertido porque alfinetamos os absurdos da nossa sociedade com o olhar de quem não faz parte dela. Meu personagem vê um homem puxando uma carroça, um negro, e diz: 'Que abolição é essa que o negro faz agora serviço de animal?'", comenta Edson Celulari, intérprete de dom Sabino, pai de Marocas.

O ator diz que uma das cenas mais engraçadas que fez até agora é quando explicam para Sabino que a capital do Brasil não é mais o Rio de Janeiro. "Ele fala que teve uma escrava chamada Brasília, mas que era uma mulher muito preguiçosa, que não gostava de trabalhar. Não tem boas recordações. Ele não conta uma piada, mas é claro que todos à sua volta caem na gargalhada", adianta Celulari.

As gravações de O Tempo Não Para estão sendo feitas na capital paulista e no litoral. A equipe volta para o Rio de Janeiro no fim do mês, quando os trabalhos terão continuidade nos Estúdios Globo. 

Últimas de O Tempo Não Para

Resumos semanais

Resumo da novela O Tempo Não Para: Capítulos de 20/8 a 1º de setembro

Segunda, 20/8 (Capítulo 18)
O helicóptero faz um pouso forçado em uma clareira. Marocas cuida de Samuca e eles passam a noite na mata. Carmen se desespera ao saber do sumiço do filho. Marocas conta sobre sua vida para ... Continue lendo

Outras novelas

Leia também

 

+ Lidas

Enquete

O novo Vídeo Show tem chance de sucesso?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook