Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Novela das sete

Alto Astral: Samantha vira escrava e faz piada com novela de Glória Perez

Renato Rocha Miranda/TV Globo

Samantha (Claudia Raia) durante pesadelo em que apareceu presa, em cena exibida na última sexta-feira (20) - Renato Rocha Miranda/TV Globo

Samantha (Claudia Raia) durante pesadelo em que apareceu presa, em cena exibida na última sexta-feira (20)

ODARA GALLO

odara@noticiasdatv.com

Publicado em 23/2/2015 - 9h02
Atualizado em 24/2/2015 - 4h45

A paranormal Samantha (Claudia Raia) vai virar escrava do ditador de um fictício país do Oriente Médio nos próximos capítulos de Alto Astral, novela das sete da Globo. À procura de petróleo, a falsa vidente viajará para o fictício Maktub, no Reino Árabe do Sul. Mesmo sem liberdade, ela fará piada com a própria situação lembrando da novela Salve Jorge (2012), de Glória Perez, em que mulheres eram traficadas para a Turquia e davam de cara com bandidos em uma boate em que todos falavam português. Na novela, Claudia interpretou a traficante de mulheres Lívia, "que enfiava seringas nos pescoços das pessoas".

Pressionada com a volta de Kitty (Maitê Proença), a paranormal terá um ataque de ciúme ao ver que sua irmã e seu ajudante, Pepito (Conrado Caputo), viraram os mais novos melhores amigos. Em meio a uma crise, ela será informada por Morgana (Simone Gutierrez) que está prestes a fazer uma viagem e que seu fiel escudeiro deverá acompanhá-la. “O Rei Mohammed Abdulah Al-Masi precisa de uma premonição. Que pode afetar o mercado internacional do petróleo. Ele precisa de você!”, dirá o espírito.

A vidente receberá um e-mail do rei e ficará convencida de que estará diante de sua chance de enriquecer. “O rei precisa de mim, Pepito... O petróleo do mundo está nas minhas mãos! E ele promete uma recompensa milionária”, falará.

Os dois embarcarão em um voo de primeira classe no capítulo previsto ir ao ar em 6 de março, crentes de que o destino é tão luxuoso quanto Dubai, nos Emirados Árabes. Ao chegar lá, Samantha e Pepito se surpreenderão ao encontrar um país pobre e destruído pela guerra. “Mas é isso? Um aeroporto mixuruca? Onde tá a comitiva? A imprensa local? O tapete vermelho?”, questionará ela.

No aeroporto, a paranormal será obrigada a usar burca para entrar no país, e Nazir, funcionário do rei, buscará os dois para levar ao palácio. Desconfiada com a recepção pouco calorosa, Samantha passará a acreditar que os dois se meteram em encrenca e ficará possessa ao chegar nas dependências reais e descobrir que Pepito entregou seus passaportes para Nazir. “Você entregou nossos passaportes pros sequestradores? Onde você tava com a cabeça, sua pulga peruana?”

A personagem, então, fará referência à novela Salve Jorge, na qual Claudia Raia interpretava a vilã que traficava mulheres. “Lembra daquela novela? Que aquela vilã linda, magra, ficava iludindo pobres mocinhas como eu pra levar pra Turquia?”, dirá. “Aquela que enfiava as seringas nos pescoços das pessoas?”, completará Pepito. “Só faltava ela aparecer aqui! Será que a Lívia Marini está por trás de tudo isso? Livia se for você, apareça! Não fuja da Raia!”, falará Samantha, citando o famoso trocadilho com o sobrenome da atriz.

No momento em que Samantha encontrar o rei e perceber que ele fala sua língua, ela voltará a fazer piada com referência à novela de Glória Perez. “Ah... Que maravilha, todo mundo fala português... Como naquela novela, incrível!”, disparará.

Missões

Samantha e Pepito serão recrutados para missões diferentes no Reino Árabe do Sul. Apesar de falar um portunhol arrastado, o peruano será escalado para ensinar português para a irmã do rei, sem saber que a intenção dele, na verdade, é arranjar um casamento pra ela. Já a função da médium será de procurar petróleo. “Maktub é o único país da região que ainda não encontrou petróleo... Já perfuramos inúmeros locais, mas não temos mais recursos pra continuar perfurando em qualquer lugar... Preciso de você para encontrar o local exato”, dirá o rei.

Na cena que vai ao ar em 10 de março, ficará claro que o rei tem, na verdade, planos para manter Samantha como sua serva. “Ela acreditou, não suspeitou de nada... Foi mais fácil do que pensei”, falará Nazir. “Samantha se convenceu de cada palavra que eu disse... Eles não imaginam que nunca mais sairão de Maktub”, completará o rei.

A missão não parecerá tão difícil para Samantha, não fosse o sumiço repentino do espírito que a acompanha e faz as previsões. Ela tentará por diversas vezes contato com Morgana para descobrir o local da escavação, mas não terá sucesso. “Só preciso resolver a minha conexão com o astral, que tá falhando aqui em Maktub”, dirá ela, na tentativa de ganhar tempo.

Com o passar dos dias no Reino Árabe do Sul, a paranormal se sentirá cada vez mais pressionada em encontrar petróleo sem a ajuda de Morgana. Os dois estarão quase convencidos de que serão punidos pelo rei quando Pepito lembrará de dois números que anotou a mando de Samantha, quando eles estavam no aeroporto no Brasil.

“Os números... Pepito, é isso! Esses números... Devia ser um sinal da Morgana... Corre lá agora e pega esse papelzinho. Esses números podem ser a nossa salvação”, dirá a médium.

Eles descobrirão que os números são as coordenadas geográficas que levam a um ponto exato de Maktub e acreditarão que se trata do local correto para escavação em busca de petróleo.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Prêmio NTV Melhores do ano


Leia também

Enquete

Qual foi o melhor telejornal ou programa jornalístico do ano?

Web Stories

+
Gui Araujo deixa A Fazenda 13 após expor lado prepotente e preconceituoso; relembreDe série na Netflix a aposentadoria: Por onde anda o elenco de O Cravo e a Rosa?Vladimir Brichta contracena com a filha em Quanto Mais Vida, Melhor; veja outros casosConfinado em A Fazenda 13, Dynho não sabe que Mirella pediu divórcio; como fica o caso?Quanto Mais Vida, Melhor enfrentou perrengues mesmo antes de estrear; conheça a trama

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas