Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

A Lei do Amor

Algemado e preso por matar Elio, Tião se revolta e acusa Magnólia

Reprodução/TV Globo

Magnólia (Vera Holtz) usará arma de Tião (José Mayer) em novo crime em A Lei do Amor - Reprodução/TV Globo

Magnólia (Vera Holtz) usará arma de Tião (José Mayer) em novo crime em A Lei do Amor

MÁRCIA PEREIRA

Publicado em 25/2/2017 - 5h25

Personagem de José Mayer, Tião será levado algemado para a delegacia como suspeito de matar Elio (João Campos) em A Lei do Amor. Ao prestar depoimento, ele afirmará que não saiu de casa na noite do crime e indicará Magnólia (Vera Holtz) como a responsável pelo assassinato. O delegado Celso (Marcelo Várzea) pedirá a prisão preventiva do banqueiro, e o caso virará um escândalo.

A cena vai ao ar dia 16 de março e dará a largada nas reviravoltas da reta final da novela, prevista para terminar no dia 31. Mag matará Elio com dois tiros à queima-roupa, usando a arma de Tião. Ela deixará o revólver ao lado do corpo para incriminar o marido, que terá sido dopado e só vai despertar na manhã seguinte com a polícia na sua porta.

O empresário se recusará a ir com os policiais. "O senhor não pode me levar à força", esbravejará. "Não só posso como vou! O senhor está sendo conduzido coercitivamente ao DHPP [Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa] para prestar esclarecimentos sobre o assassinato do Elio Bataglia", dirá o delegado.

Mag fingirá espanto com a morte de Elio. "O crime ocorreu ontem à noite e os tiros partiram do revólver 38 que pertence ao seu marido", contará Celso. Tião reagirá feito um leão acuado, e ordenará que Mag acione seus advogados imediatamente.

"Delegado, eu passei a noite inteira aqui em casa com a minha esposa! É impossível eu ser acusado de ter cometido qualquer crime", alegará. Mas a madame não confirmará. "Bem, meu marido pegou no sono muito cedo, o que é incomum em se tratando dele. Então, eu aproveitei e saí pra jantar com a minha amiga Gigi [Mila Moreira]", dirá.

Pavor de algemas
Tião entenderá que ela armou para incriminá-lo e ficará aterrorizado quando o delegado mandar algemá-lo. "Não preciso de algemas! Eu sou um empresário conhecido! Não pretendo fugir. Eu sou um dos homens mais poderosos deste país! Como tem coragem de me tratar feito um bandidinho qualquer?", indagará.

Celso insinuará que ele não é só um bandidinho. "Vou fazer você pagar caro essa sua ironia, seu delegadozinho de merda", gritará.

Na delegacia, diante da arma do crime, Tião não vai querer confirmar que o revólver é dele. "Se eu tivesse matado alguém iria deixar a minha arma, que está em meu nome, e com digitais minhas, ao lado do corpo pra ser encontrada pela polícia? É evidente que alguém fez isso com o propósito de me incriminar", falará o ex-peão.

Outros indícios
Só que o delegado dirá ainda que tem outros indícios contra ele, já que antes de ser morto, Elio discutiu com Tião. O jornalista terá feito isso para roubar o celular do milionário e conseguir a gravação em que Mag assume seus crimes. Até então, Tião não estará sabendo que o aparelho foi roubado por Elio, só que sumiu.

"O Elio contou à Ana Luiza [Bianca Müller] que tinha conseguido pegar o seu celular, e que nele havia um vídeo, feito pelo Ciro Noronha [Thiago Lacerda], com a confissão de todos os crimes cometidos pela dona Magnólia. E ele estava contando com a ajuda de um hacker para ter acesso a esse vídeo incriminador", revelará o policial.

Tião vai querer saber do celular, mas o delegado dirá que é ele quem faz perguntas. "As câmeras do meu prédio podem provar que não saí ontem à noite! Diferente da minha esposa, que estava fora de casa no momento em que o crime aconteceu", indicará. "O senhor está acusando a sua esposa pelo assassinato do Elio Bataglia?", questionará Celso.

Quebra-cabeça
Tião falará que está só juntando as peças do quebra-cabeça. "Se o meu celular sumiu e continha provas contra a minha esposa... Se a minha arma desapareceu de casa, e apenas eu e a Magnólia sabíamos onde ela estava, e se ela passou a noite fora de casa e eu não... Convoque a Magnólia pra depor! Acho que ela tem mais o que dizer do que eu", concluirá.

Jornalistas vão se amontoar na porta da delegacia. A suspeita sobre Tião virará um escândalo. Como não é réu primário, já que foi condenado por agredir Jéssica (Marcella Rica), sua prisão preventiva será decretada.

Trancafiado, o banqueiro prometerá conseguir a transferência de Celso para o fim do mundo e ordenará que os advogados consigam um habeas corpus o quanto antes.

Últimas de A Lei do Amor


Outras Novelas

Leia também

Web Stories

+
Quem é Alanis Guillen? Conheça a Juma Marruá do remake de PantanalHarmonização facial e lente nos dentes: Veja antes e depois dos peões de A Fazenda 13Ex de Anitta e rei da pegação: Gui Araujo é o primeiro fazendeiro de A Fazenda 13Elenco, estreia e bastidores: Saiba tudo sobre o reboot de Um Maluco no PedaçoAgressão e barraco em festa clandestina: Veja histórico dos peões de A Fazenda 13

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você gostou do elenco de A Fazenda 13?