Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Novela das oito

A Regra do Jogo: Kiki volta para casa, mas é rejeitada por Dante

Reprodução/TV Globo

Deborah Evelyn (Kiki) em cena de A Regra do Jogo, da Globo, novela das nove da Globo - Reprodução/TV Globo

Deborah Evelyn (Kiki) em cena de A Regra do Jogo, da Globo, novela das nove da Globo

MÁRCIA PEREIRA

Publicado em 1/2/2016 - 5h30

Kiki (Deborah Evelyn) finalmente vai ter coragem de voltar para casa e revelar para toda a família que está viva, mas será rejeitada por seu filho adotivo, Dante (Marco Pigossi). Ela não contará que Gibson (José de Abreu) é o Pai da facção criminosa e responsável por seu cárcere privado esses anos todos em A Regra do Jogo, novela das nove da Globo. Kiki dirá que se apaixonou por seu carcereiro, Zé Maria (Tony Ramos), e que não voltou antes para não colocar o pai de sua filha atrás das grades, o que deixará Dante desconfiado. Com a mentira, a loira chantageará Gibson e conseguirá que ele liberte Aninha (Letícia Braga) e a traga para a casa.

A virada acontecerá depois que Zé Maria se entregar à polícia para fugir de uma emboscada armada pelo Pai. Antes de ser preso, ele resgatará Kiki de um sítio, mas  a menina se perderá na fuga e voltará para as mãos do avô. Aninha se tornará um trunfo para Gibson, que a usará para pressionar Zé Maria e depois a própria filha para eles não o denunciarem. 

A reviravolta se desenrolará a partir do capítulo do dia 16, quando Kiki entrará na mansão pronta para "guerrear" com o pai. Nora (Renata Sorrah) a receberá emocionada e convocará toda a família para ver que Kiki está viva. A loira dirá à mãe que se sentia culpada. Por isso, não teve coragem de voltar antes. 

Kiki afirmará que Zé Maria cuidou dela quando ela não queria mais viver. "A gente acabou construindo um elo, e eu acabei me apaixonando por ele. E aí a Aninha nasceu. Nessa época, ele já não me prendia mais. Eu já andava pela casa, ia até ali perto, na rua, na farmácia, na padaria. Eu podia ter voltado antes. Eu queria. Muitas vezes eu pensei. Eu tinha vontade de procurar a senhora, mas na hora de sair, eu, não conseguia", alegará a mãe adotiva de Dante. 

Ela também dirá que tinha medo de sair do seu cativeiro.  "Medo de destruir aquela vida que eu tinha! E muito por causa do Zé, também! Se eu voltasse pra cá, ele ia ser preso. Eu não podia prender o pai da minha filha", desabafará Kiki em conversa com sua mãe.  

Teatro

Quando Gibson ver a filha ali na sala da mansão, ele ficará catatônico. "Não vai me dar um beijo de boas vindas, pai?", dirá Kiki, irônica. Ele disfarçará e a abraçará, tenso, suando frio. Ela revelará que voltou para pedir ajuda, pois sua filha foi sequestrada e está em poder dos bandidos da facção.

Dante começará a desconfiar da história contada pela mãe desde o primeiro dia. Ele vai deduzir que ela também faz parte da quadrilha. Ele não engolirá a história de que ela não queria denunciar Zé Maria. "E, com certeza, não queria que o Zé Maria pagasse pelos crimes dele. Pelo seu sequestro, pela morte da minha mãe", dirá ele". Você sabia que há anos eu procuro por esse monstro por quem você se apaixonou? Sabia que ele destruiu a vida de muita gente?", questionará.

O policial não aceitará as desculpas de Kiki. "Você disse que ia contar o que aconteceu com você, que era uma história triste, mas até agora você só enrolou! Sabe o que eu acho? Que você é uma egoísta que simplesmente abandonou o filho que adotou, que abandonou a família e fez outra vida com um bandido. Você também rompeu com a sua gangue ou foi só o seu marido?", afirmará, irritado.

Vendo a filha pressionada e temendo ser descoberto, Gibson a levará para conversar a sós. Kiki, então, fará sua cartada final: exigirá a volta de Aninha ou o denunciará à polícia.

Sem saída, o todo-poderoso vai propor um acordo: ele prometerá entregar Aninha a Kiki, se ela não o denunciar e for morar em outro país com a filha. Kiki não aceitará sair do Brasil e exigirá que a filha seja libertada e entregue a ela. "Devolve a Aninha. Se ela não aparecer até amanhã de manhã, eu vou estourar a bomba! Vou entregar sua cabeça pra todo mundo", ameaçará Kiki.

Acuado, Gibson combinará de entregar a menina, mas exigirá que ela se mude para um apartamento longe, não frequente a mansão e obrigue Zé Maria a ficar calado na prisão. Kiki aceitará, e Aninha será recebida por Nora e toda a família em um encontro emocionante que vai ao ar no dia 19. 

Gibson inventará que colocou detetives e sua equipe de segurança atrás da menina. Ele também afirmará que pagou o resgate para os bandidos devolverem a criança.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Últimas de A Regra do Jogo

Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.