Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Novela das nove

A Regra do Jogo: Dante desmascara Guerra e policial traidor é preso

Reprodução/TV Globo

Marco Pigossi (Dante) em cena de A Regra do Jogo, novela das nove da Globo - Reprodução/TV Globo

Marco Pigossi (Dante) em cena de A Regra do Jogo, novela das nove da Globo

MÁRCIA PEREIRA

Publicado em 15/12/2015 - 22h33
Atualizado em 16/12/2015 - 5h00

Guerra (Maksin Oliveira), o policial traidor de A Regra do Jogo, será preso por Dante (Marco Pigossi). O filho de Romero (Alexandre Nero) só passará a desconfiar que o colega é um infiltrado da facção criminosa na polícia após Juliano (Cauã Reymond) alertá-lo. Juntos, eles seguirão Guerra e o flagrarão recebendo um envelope com dinheiro das mãos de Orlando (Eduardo Moscovis). Para completar, um bandido preso concordará em gravar uma conversa com Guerra, que terminará atrás das grades.

Essa sequência começará a ser exibida a partir do dia 29. Dante discordará de Juliano no início: "O Guerra entrou na polícia comigo. Ele é meu amigo desde a adolescência, eu conheço a família dele, fui na casa dele", argumentará o policial. Mas o lutador será insistente e o convencerá a investigar Guerra.

"O Guerra tá sempre por perto quando a facção se dá bem, já percebeu? Quem tava com o Faustini [Ricardo Pereira] quando ele morreu? Quem defendeu com unhas e dentes o falso médico, o doutor Paulo [Ranieri Gonzalez], no meu interrogatório? O Guerra. Eu sei que é difícil acreditar, eu passei pela mesma coisa com meu pai, achava impossível, mas não custa investigar", falará o professor.

Assassinato ou suicídio

A situação vai piorar para o lado de Guerra porque ele mentirá para Dante com o objetivo de proteger Orlando. O executivo matará Minervino (Germano Pereira) após o ruivo revelar a Dante que fingiu ser marido de Lara (Carolina Dieckmann).  O assassinato vai parecer suicídio, já que Orlando jogará o comparsa da janela de seu apartamento. 

Reprodução/tv globo

O ator Maksin Oliveira (Guerra) em cena da novela das nove da TV Globo 

Guerra dirá que o laudo da autópsia constatou que o homem se matou. Ele também dirá a Dante que o porteiro do prédio de Minervino disse que ele não recebeu visitas no dia de sua morte.

"Guerra mentiu. Eu falei com o legista, e tinham sim sinais de luta no corpo do Minervino. E outra, ele contou que conversou com o porteiro e que ninguém subiu no apartamento naquele dia. Só que eu também falei com o porteiro, que me garante que subiu um cara no apartamento logo antes do Minervino se 'jogar pela janela'. A descrição do homem que subiu no apartamento do morto bate exatamente com o tipo físico do Orlando", contará Dante a Juliano.

É aí que os dois seguirão Guerra e presenciarão um encontro dele com Orlando. Dante afirmará que chegou a hora de acabar com a carreira de marginal do marido de sua tia, Nelita (Bárbara Paz). O público pensará que ele não fará nada para Guerra ser preso imediatamente.

No entanto, ele e Juliano convencerão Zulu (Jonathan Azevedo), preso jurado de morte pela facção, a gravar uma conversa com Guerra em troca de uma redução de sua pena. O bandido aceitará.

“Teus parceiros aqui tão tudo te sacando. Se liga! Vitória na guerra, irmão", dirá o Zulu, que gravará o aviso e o agradecimento de Guerra. Em seguida, Dante surgirá com o novo delegado da trama e dará voz de prisão ao policial traidor.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Últimas de A Regra do Jogo


Outras Novelas

Leia também

Enquete

Você gostou de Tadeu Schmidt no comando do BBB22?

Web Stories

+
Por que o ex abriu mão da herança de R$ 500 milhões de Marília Mendonça?BBB 22: Pegação, ameaça de desistência e queridômetro sacodem edição paz e amorBBB 22: Luciano sabota sonho da fama e se frustra com número de seguidoresFinal de Malhação na Globo tem sequestro, incêndio e final feliz; saiba tudoPor que Ludmilla e Anitta brigaram? Entenda a treta que respingou no BBB 22

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas