DE OLHO NO FUTURO

NetLabTV anuncia vencedores de concurso para novos roteiristas

Reprodução/TV Globo

Breno Silveira, responsável pela série 1 Contra Todos, indicada ao Emmy Internacional, em entrevista a Pedro Bial - Reprodução/TV Globo

Breno Silveira, responsável pela série 1 Contra Todos, indicada ao Emmy Internacional, em entrevista a Pedro Bial

REDAÇÃO - Publicado em 12/04/2018, às 17h13

O concurso NetLabTV, que tem como objetivo identificar e premiar novos formatos de séries brasileiras, anunciou os ganhadores de sua terceira edição. Entre os projetos de ficção, foram eleitos: Call Center, criado por Otávio Chamorro; Habeas Corpus, de Juliana Rosenthal Knoepfelmacher; e Impulso, de Marcela Macedo. Já o vencedor da escolha do público foi Bryan & Nat 1/3, dos atores Natalia Milano e Bryan Ruffo.

Os eleitos serão premiados em uma masterclass que acontece na próxima quarta (18), em São Paulo. O evento contará com palestras de Breno Silveira, diretor e roteirista de séries como 1 Contra Todos (Fox) e Entre Irmãs (Globo), e responsável pelo filme 2 Filhos de Francisco (2005).

Do mercado latinoamericano, marca presença o argentino Patrício Vega, criador da série Pacto de Sangue (Space) e diretor do Laboratório do Roteiro, em Buenos Aires. Muriel Cabeza, produtora executiva do longa O Segredo dos Seus Olhos (2009), vencedor do Oscar de melhor filme estrangeiro em 2010, também estará no evento.

Os vencedores
As propostas dos ganhadores são muito diferentes. Call Center é sobre uma gerente de um departamento de reclamações que precisa lidar com o fato de que todos os seus funcionários pediram demissão depois de ganharem na Mega Sena.

Habeas Corpus é uma série jurídica sobre pai e filho advogados que têm ideias bem diferentes sobre o conceito de justiça. Impulso, por sua vez, é um drama sobre uma policial especialista em negociação de reféns e suicidas que lida com a própria depressão após a morte da filha.

Já Bryan & Nat 1/3 é baseado na história real de um casal de jovens roteiristas, no qual cada episódio mostrará um ano do relacionamento amoroso dos dois.

Na categoria não ficção, os vencedores foram: Batalha No Prédio: A Receita Da Boa Vizinhança, de Mario Oshiro Junior; Bregay, de Henrique Arruda; Histórias de Liberdade, de Gabriel Melin; e Arte no Prato, de Manuel Andrés e Jussara Schmidt.

Já no quesito social video, os escolhidos foram: De Magrrrla, de Carolina Maciel; Minha Querida Vagina, de Fernando Cezar Esposito e Ana Julia Travia; Princesa Carlos, de Leonardo Raoni e Julia Fovitzky; e Artífices Do Som: Samba Carioca, de Bernardo Marques.

Em anos anteriores, o Laboratório NetLabTV trouxe para o Brasil nomes como Elizabeth Devine, roteirista e produtora de CSI (2000-2015); David Zabel, showrunner de Plantão Médico (1994-2009); e Dan Attias, diretor de Homeland e The Walking Dead. Os profissionais compartilharam suas experiências e deram dicas para os vencedores de como aprimorar seus projetos para que eles se concretizem.

As edições anteriores do NetLabTV foram realizadas em 2013 e 2014, e já renderam dois projetos: Dia 1, reality de Patrícia Leme e Bruno Souto que foi exibido pela HBO em 2016; e A Bênção, série de ficção de Leo Garcia, Frederico Ruas e Pedro Marques Ares, que está sendo produzida pela Coelho Voador para o Canal Brasil.

O NetLabTV é uma iniciativa patrocinada pelo Instituto Net Claro Embratel, empresas do Grupo Claro, e realizada pela Casa Redonda.

Leia também

 

+ Lidas

Enquete

O novo Vídeo Show tem chance de sucesso?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook