REFORMULAÇÃO

Rádio Globo demite Maju e Fernanda Gentil e ouve 'não' de Otaviano Costa

FOTOS: DIVULGAÇÃO/GLOBO

Maju Coutinho e Adriane Galisteu foram dispensados da Rádio Globo; Otaviano Costa não quis continuar - FOTOS: DIVULGAÇÃO/GLOBO

Maju Coutinho e Adriane Galisteu foram dispensados da Rádio Globo; Otaviano Costa não quis continuar

GABRIEL PERLINE - Publicado em 30/05/2019, às 05h01 - Atualizado às 14h58

A Rádio Globo iniciou um processo de reestruturação e alterará completamente a sua linha de programação. Por conta da mudança, demitiu todos os grandes nomes de seu elenco, que inclui Maju Coutinho e Adriane Galisteu. O único que tentou manter foi Otaviano Costa, mas ele disse "não". Todos foram notificados de suas dispensas na tarde de ontem (29).

As mudanças fazem parte de um novo projeto de programação. A partir de 15 de julho, a Rádio Globo deixará de ter programas de entretenimento e passará a concentrar seu conteúdo em música popular.

Apenas transmissões das partidas de futebol serão mantidas na grade, assim como o programa Globo Esportivo, apresentado por Oscar Ulisses em São Paulo, e Marcelo Barreto, no Rio de Janeiro.

Na nova programação, sairão do ar todos os talk shows. Na lista dos nomes dispensados, além de Maju e Galisteu, estão Rosana Jatobá, Leo Jaime, Mariana Godoy, Alex Escobar, Roger Flores, Fernanda Gentil, Marcos Veras e Paulo Vinícius Coelho. Todos eles e seus respectivos programas seguirão no ar até o dia 14 de julho.

Otaviano Costa foi convidado a se manter na Rádio Globo, mas apresentando um novo formato de programa. Ele recusou a proposta e disse à reportagem, em nota, que pretende dar um novo rumo à carreira.

"Tenho outros planos profissionais que incluem também o rádio, porém, num outro modelo de negócio. Saio da Rádio Globo com a certeza de missão cumprida, fechando meu ciclo muito feliz, como líder de audiência da nossa grade e só tenho gratidão a todos que fizeram parte dessa história e me reconectaram ao veículo onde comecei minha carreira", disse Costa.

O clima na emissora, como era de se esperar, está péssimo. Alguns produtores e jornalistas foram realocados para outras empresas do grupo, como a Rádio CBN. Outros foram dispensados.

O principal motivo para toda essa reformulação é o alto custo de sua atual folha de pagamento. O dinheiro que entra através das publicidades e patrocínios não tem sido suficiente para arcar com todas as despesas. 

Em 2017, a Rádio Globo fez um alto investimento ao lançar a sua nova grade, contratando apresentadores conhecidos pelo trabalho na televisão.

Na época, a emissora se inspirou nas rádios norte-americanas e britânicas, que faturam alto com grandes nomes no comando de programas de variedades. O No Ar, apresentado por Otaviano Costa, é uma releitura do On Air, comandado por Ryan Seacrest na Kiis-FM, em Los Angeles.

Embora a Rádio Globo esteja mudando novamente sua linha, ela manterá seu nome, ao contrário do que se foi especulado recentemente, de que passaria a se chamar Multishow FM.

"Sempre buscando atender a demanda dos nossos ouvintes, a Rádio Globo vai iniciar um novo projeto de programação. A partir de 15 de julho, a emissora passa a concentrar seu conteúdo em música popular. As transmissões de jogos de futebol continuam na grade, bem como o programa Globo Esportivo", confirmou a emissora em nota.

Às 14h53, a assessoria da Rádio Globo enviou uma nova nota a respeito do desligamento de todo o seu casting.

"Temos grande respeito e admiração por esses profissionais que estiveram com a Rádio Globo nesse projeto ao longo dos últimos dois anos. A maioria dos contratos estava já no período final, com término entre maio e junho, e alguns nomes foram generosos inclusive aceitando uma prorrogação por 30 dias para manter o programa até fim de junho. Os poucos que ainda tinham contrato vigente aceitaram em comum acordo pelo encerramento."

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você está curtindo o programa Se Joga?
Sim, é divertido e leve.
22.27%
Não é horrível, mas também não é bom.
26.34%
Não, achei muito ruim, uma vergonha.
27.00%
Prefiro A Hora da Venenosa.
24.40%

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook