Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

A PARTIR DE 2023

Após ficar fora da TV aberta, Recopa vira 'brinde' no pacote da Libertadores

DIVULGAÇÃO/PALMEIRAS

Dudu, do Palmeiras, olha para a bola chegando durante uma jogada na Libertadores da América 2021

Dudu, do Palmeiras: Recopa será vendida como pacote de TV aberta da Libertadores em 2023

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 22/2/2022 - 6h35

Fora da TV aberta desde 2019, a Recopa será oferecida de brinde para as emissoras interessadas em comprar os direitos da Libertadores. O torneio de dois jogos havia sido negociado pela Conmebol como parte do pacote da Copa Sul-Americana e acabou escondido em plataformas online ou canal pago nas últimas quatro edições.

O evento conta com dois jogos entre os campeões da Libertadores e Sul-Americana. Entre 2019 e 2022, a Conmebol adotou uma estratégia de vender o torneio junto com os jogos de seu campeonato com menos prestígio. Nos dois primeiros anos, a plataforma de streaming DAZN mostrou sozinho a Recopa. Já no ano passado e neste ano, a responsabilidade ficou a cargo da Conmebol TV, o pay-per-view disponível apenas nas operadoras pagas Claro, Net e Sky.

A correção virá na próxima negociação, que começará a ser feita em março. Caso Globo, SBT, Record ou qualquer outra emissora de rede nacional compre a Libertadores, terá a opção de mostrar também a Recopa. Segundo fontes do Notícias da TV, essa é uma estratégia para fazer a competição se tornar mais valorizada em relação aos últimos anos.

Se a regra valesse para o contrato atual, o SBT poderia mostrar Palmeiras x Athletico-PR, a edição deste ano da Recopa que acontece a partir da próxima quarta-feira (23), às 21h30 (horário de Brasília). Para plataformas pagas, como streamings e TV por assinatura, a Conmebol decidiu colocar a Recopa também no principal pacote da Libertadores.

Como informou o Notícias da TV no último sábado (19), as emissoras de TV aberta vão brigar forte para ter a exclusividade das competições da Conmebol. A licitação, que começa em 5 de março, terá como atrativo uma nova regra: Globo, Record e SBT poderão fazer propostas para ter três jogos exclusivos por semana de rodada a partir de 2023 --contabilizando a Libertadores e a Copa Sul-Americana. 

A definição dos vencedores será em 4 de abril. Além das três principais redes, Band e RedeTV! também mostraram interesse em entrar na briga pelas partidas. Embora tenham essa vontade e meta para o ano que vem, ambas não têm, no entanto, o mesmo poder de compra que suas concorrentes. 


Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.