Genomma Lab

Anunciante da Record faz 28 mil comerciais e tem desconto de 98%

Reprodução

Xuxa Meneghel em comercial de Cicatricure, da Genomma Lab, exibido na TV da Argentina - Reprodução

Xuxa Meneghel em comercial de Cicatricure, da Genomma Lab, exibido na TV da Argentina

DANIEL CASTRO - Publicado em 21/01/2015, às 05h22

Um dos maiores anunciantes da Record, o laboratório mexicano Genomma Lab virou onipresente nos intervalos da emissora, derrubando a audiência e irritando apresentadores. Os produtos da empresa aparecem até 45 vezes em um único programa, caso da edição do último sábado (18) do Fala Brasil. Ao longo de 2014, a Genomma veiculou 28.043 comerciais na Record. Se fosse pagar pelo valor de tabela, teria que desembolsar mais de R$ 3 bilhões. Mas, de acordo com um alto executivo da emissora, pagou apenas R$ 60 milhões. Teve um incrível desconto de 98%.

A Genomma só anuncia na Record e acaba de renovar contrato com emissora por mais um ano. Ou seja, os anúncios de Marília Gabriela falando das supostas propriedades do antirrugas Cicatricure, a marca mais conhecida no Brasil e quarto medicamento mais vendido no país, vão continuar inundando os intervalos dos programas da Record. Por causa da Genomma, os intervalos da Record têm durado mais de sete minutos. Em muitas ocasiões, a empresa exibe em um único break até dez comerciais da empresa, de diferentes produtos (como Asepxia, Goecoechea, Pointts e Lakesia, entre outros).

Apesar do superdesconto, a Record trata a Genomma como um supercliente. Somente a Igreja Universal do Reino de Deus coloca mais dinheiro na emissora (e bem mais, cerca de R$ 520 milhões por ano). A Genomma Lab negocia diretamente com a emissora, sem a intermediação de agências. Para a Record, é dinheiro líquido e garantido e menos prejudicial do que vender espaço para igrejas em horário nobre, como fazem Band e RedeTV!. O mercado, no entanto, torce o nariz.

Segundo o Controle da Concorrência, empresa que monitora o mercado de publicidade, as 28.043 inserções publicitárias da Genomma, ao longo de 2014, custariam R$ 1,334 bilhão pelo valor de tabela da Record apenas na Grande São Paulo. O Ibope Monitor já coloca a Genomma como o terceiro maior anunciante do país em volume de comerciais. Somente no primeiro semestre do ano passado, seus anúncios em todo o país valeriam R$ 1,6 bilhão na tabela da Record. Os dados de 2014 inteiro do Ibope Monitor ainda não foram divulgados, mas estima-se que o volume de anúncios da Genomma na Record, pelo valor de tabela, ultrapassará R$ 3 bilhões.

A Genomma comercializa medicamentos que não precisam de receita médica. A maioria dos produtos tem sua produção terceirizada no México. Assim, é mais uma empresa de propaganda do que um fabricante propriamente dito. A maioria de seus comerciais é feita em produtora própria. Na Argentina, o papel que Marilia Gabriela desempenha no Brasil é realizado por Xuxa Meneghel, coincidentemente o maior objeto de desejo da Record atualmente.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Com quem Maria da Paz deve ficar em A Dona do Pedaço?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook