Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

SUCESSO NA WEB

Camelô e prisão na pandemia: Quem é MC Negão da BL, do Ilha Record?

REPRODUÇÃO/RECORD

Negão da BL sorri, veste camiseta preta e está na frente de uma praia

Negão da BL é participante do Ilha Record; cantor virou sucesso na internet após publicar vídeos ao lado da mãe

GABRIELA RODRIGUES

gaby@noticiasdatv.com

Publicado em 13/8/2021 - 22h06

MC Negão da BL é um dos participantes do Ilha Record. O jovem de 23 anos virou um fenômeno na internet por produzir vídeos ao lado de sua mãe, dona Gisele Bento. Antes disso, o funkeiro ganhava a vida vendendo bebidas na praia. Em março deste ano, seu nome virou assunto nas redes sociais após ele ser preso enquanto gravava um clipe em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro.  

Carioca raiz, Matheus Bento se tornou destaque nas redes sociais por mostrar a realidade de sua vida humilde no bairro de Magé, na Baixada Fluminense. Graças aos momentos de descontração ao lado da mãe, Negão da BL já contabiliza mais de 3 milhões de seguidores no Instagram. 

Depois de ganhar notoriedade na web, Negão da BL também passou a investir na carreira musical. Na canção Perdão Minha Coroa, por exemplo, o MC fala um pouco sobre a relação com a matriarca. A música já contabiliza mais de 7 milhões de visualizações no YouTube. 

Com o sucesso, o músico começou a receber convites para ser rosto de marcas famosas. No ano passado, ele participou, ao lado de sua mãe, de uma campanha publicitária do McDonald's. 

Em meio aos momentos de glória, Negão da BL enfrentou uma situação complicada em março depois de gravar o clipe da música Periferia em Angra dos Reis. O funkeiro foi encaminhado até uma delegacia da região pelo fato de ter promovido um show durante a pandemia da Covid-19. 

"Na hora foi um susto. Eu estava gravando um clipe, os caras foram lá, doideira. Estava eu com a minha família, a música fala da minha família. Quando eu cheguei na marina, recebemos uma denúncia, pediram a minha prisão e de outros MCs. Resumindo: do nada eles [policiais] chegaram lá. Foi porque nós tínhamos cantado durante a pandemia", explicou o músico ao podcast Talk Flow. 

Naquele dia, um amigo do funkeiro contou mais detalhes nos Stories do Instagram: "[Depois de] Um dia todo gravando o clipe, dois policiais abordaram ele, pediram o documento dele e o conduziram [para a delegacia] na frente de toda a família". Depois de passar um tempo sendo interrogado, o artista foi liberado. 

Confira alguns registros de Negão da BL: 


Saiba tudo sobre reality shows com o podcast O Brasil Tá Vendo

Ouça "#49 - Como Pyong Lee se tornou o grande vilão de reality no Ilha record" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube para conferir nossos boletins diários, entrevistas e vídeos ao vivo


Últimas de Ilha Record

Leia também

Enquete

Você gostou da escolha de Tadeu Schmidt para o BBB22?

Web Stories

+
Além de José de Abreu: Sete atores brasileiros que se aventuraram na políticaApós derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13Deixaram saudade: Conheça cinco atores de O Clone que já morreramEsqueceram de Mim ganha novo filme no Disney+; veja como está o elenco originalTadeu Schmidt no BBB22: Conheça a carreira do apresentador na Globo

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas