Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

NO STREAMING

Dia de Finados: 7 filmes que ressignificam a morte e o luto para assistir online

REPRODUÇÃO/DISNEY PIXAR

Cena do filme Viva - A Vida É uma Festa, da Disney, em que o personagem Miguel (Anthony Gonzalez) aparece cantando para avó Coco (Ana Ofelia Murguía)

Miguel (Anthony Gonzalez) canta para sua avó Coco (Ana Ofelia Murguía) em Viva - A Vida É uma Festa

KELLY MIYASHIRO

kelly@noticiasdatv.com

Publicado em 2/11/2021 - 6h20

O Dia de Finados, celebrado nesta terça-feira (2), foi criado pela Igreja Católica para homenagear os mortos. Apesar da dor causada pela perda de um ente querido ser imensurável, alguns filmes tentam ressignificar a morte e o luto. É o caso da animação Viva - A Vida É uma Festa (2017), da Disney/Pixar, que mostra um universo alegre no Além. O Notícias da TV separou sete longas sobre o assunto para assistir online.

Lançado em 2017, o filme da Disney se passa no México e é inspirado no feriado de Finados mexicano, chamado Día de los Muertos --Dia dos Mortos, em tradução literal. A história segue Miguel (dublado por Anthony Gonzalez originalmente), um menino de 12 anos que deseja ser um músico famoso. Porém, sua família desaprova o sonho por causa de um trauma passado.

Determinado a virar o jogo, o garoto vai parar no Mundo dos Mortos, o universo para onde as almas vão após a morte, e acaba desencadeando uma série de eventos ligados a um mistério de 100 anos.

Além de enaltecer a cultura/tradição mexicana de homenagear aqueles que já se foram do mundo terrestre, o longa animado ressignifica a morte como um evento triste e ressalta a possibilidade que a maioria das pessoas deseja: reencontrar entes queridos no Além, onde não existiria mais tristeza e sim muita festa.

Onde assistir Viva - A Vida É uma Festa Disney: Disney+

A Cabana (2017)

Baseado no livro homônimo de William Paul Young, A Cabana conta a trajetória de Mackenzie (Sam Worthington), um pai de família que fica devastado após a morte de sua filha caçula, de apenas seis anos. O corpo da menina nunca é encontrado, mas sinais de abuso e de que ela foi morta são achados em uma cabana.

Afundado em depressão, o protagonista recebe uma carta de Deus para encontrá-lo no local do crime, e é lá que ele tem conversas com o Todo-Poderoso, Jesus e o Espírito Santo. O longa explora a jornada de Mack em sua reaproximação com a fé, enquanto busca uma resposta para a pergunta: "Se Deus é tão bom, por que ele não ameniza o nosso sofrimento no luto?". 

Onde assistir A Cabana: Telecine, Apple TV+, Prime Video e YouTube

P.S. Eu Te Amo (2007)

Em P.S. Eu Te Amo, Holly (Hillary Swank) se casa com Gerry (Gerard Butler), mas ele morre rapidamente após descobrir um tumor na cabeça. Apaixonado pela mulher, o protagonista deixa várias cartas e missões para que ela consiga enfrentar o luto e continuar sua vida da maneira mais feliz possível. Ele assina todas as mensagens dizendo que a ama e incentiva seu recomeço. 

Apesar de a mãe e as amigas de Holly ficarem preocupadas, a jovem viúva recebe o apoio de todos na trajetória para superar a morte do amor de sua vida, com quem havia vivido muitas brigas, mas com uma paixão avassaladora.

Onde assistir P.S. Eu Te Amo: Star+, Prime Video, YouTube e Telecine

Tão Forte e Tão Perto (2011)

Oskar (Thomas Horn) é um garoto autista e muito ligado ao pai, Thomas (Tom Hanks), que morre nos atentados do 11 de Setembro. Alguns meses após a tragédia, o menino encontra uma chave e acredita ser uma pista deixada pelo veterano para uma caça ao tesouro --uma brincadeira que eles costumavam fazer.

Apesar de ser apenas uma criança, o filho de Linda (Sandra Bullock) se aventura por Nova York para desvendar o mistério e dar um sentido para a morte do pai, de uma forma que a perda seja menos dolorosa. Na jornada, ele se depara com diversas histórias que contribuem para sua vida. 

Onde assistir Tão Forte e Tão Perto: HBO Max, YouTube e Apple TV+

Pronta para Amar (2011)

Jovem, bonita e bem-sucedida, Marley (Kate Hudson) tem diversas aventuras sexuais, mas quer distância de um relacionamento sério e do amor. Tudo vai bem, até que ela descobre ter câncer de cólon e que vai morrer inevitavelmente. Para piorar, ela acaba se apaixonado de verdade pela primeira vez --mas pelo seu médico, interpretado por Gael García Bernal.

Enquanto explora a jornada da protagonista em tentar resolver todos os problemas de suas relações interpessoais ao mesmo tempo que se prepara para morrer, a comédia romântica consegue ser leve para falar de um assunto grave, e o alto-astral da protagonista mostra que é possível fazer de seu enterro uma festa --literalmente. 

Onde assistir Pronta para Amar: Prime Video

Beleza Oculta (2016)

Como em A Cabana, Howard (Will Smith) é um pai que entra em depressão após a morte de sua filha pequena. Neste longa, o personagem principal passa a escrever cartas para a Morte, o Tempo e o Amor, que respondem.

Os amigos do protagonista ficam preocupados, mas são Morte (Helen Mirren), Tempo (Jacob Latimore) e Amor (Keira Knightley) que conversam com Howard e tentam ensiná-lo o valor da vida, com a intenção de ajudar o enlutado a conseguir driblar sua dor profunda e recomeçar a viver.

Onde assistir Beleza Oculta: Netflix, YouTube, Apple TV+ e Globoplay

Um Olhar do Paraíso (2010) 

Assassinada por um vizinho, Susie Salmon (Saoirse Ronan) vê do Além a dificuldade de sua família em superar sua morte. Apesar de sentir sede de vingança contra seu algoz, a adolescente fica presa presa em uma dimensão entre o Paraíso e o Inferno e embarca em uma jornada para ajudar seus pais e irmãos a seguirem sem ela. 

O filme mistura drama, suspense e fantasia e é diferente por colocar a pessoa morta em primeira pessoa. Rachel Weisz (Viúva Negra), Mark Wahlberg (Ted) e Stanley Tucci (O Diabo Veste Prada) integram o elenco. 

Onde assistir Um Olhar do Paraíso: Neflix 


Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.