Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

REFLEXÃO

Repórter do Fantástico faz peregrinação após mortes de seis familiares por Covid

Reprodução/TV Globo

Maurício Ferraz de máscara, casaco azul escuro e mochila nas costas

Maurício Ferraz fez a peregrinação no Fantástico em 2017 e quis repetir a dose por vontade própria

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 12/7/2021 - 11h28

Repórter investigativo do Fantástico, Maurício Ferraz iniciou uma peregrinação até Aparecida, interior de São Paulo, com o objetivo de se desligar dos problemas. Em entrevista ao Mais Você, nesta segunda-feira (12), ele contou que resolveu sair andando pela estrada depois de uma tragédia em sua família: seis pessoas foram vítimas de infecção por Covid-19.

Talitha Morete, substituta de Ana Maria Braga no comando do matinal junto a Fabricio Battaglini, quis saber o que o motivou a encarar a aventura. "Normalmente, os peregrinos fazem as caminhadas em busca de autoconhecimento, por agradecimento ou até mesmo só para renovar a fé. Fiquei curiosa para saber o que te levou a essa peregrinação", iniciou.

O jornalista, então, explicou que esta não era a primeira vez que ele faz o trajeto de centenas de quilômetros a pé. "Eu fiz em 2017 para o Fantástico, a gente andou 571 quilômetros, mas estava trabalhando. E agora resolvi voltar", explicou.

Pés de Maurício Ferraz machucados em peregrinação (Reprodução/Stories Instagram)

"Como 2020 foi um ano difícil, complicado por causa da pandemia, 2021 também, acho que eu precisava dar uma desconectada total, caminhar, refletir um pouco sobre o que está acontecendo. Não é fácil o que estamos vivendo. Só da minha família, por exemplo, entre tios e primos, eu perdi seis pessoas. Foi um ano muito complicado", lamentou.

Fabrício se compadeceu e completou: "Se a gente não perdeu ninguém da família, a gente conhece alguém próximo que infelizmente nos deixou por causa da doença".

Ferraz também detalhou a rotina da jornada dele e dos peregrinos.

"A gente acorda por volta das 5h da manhã. Tomamos um bom café da manhã e logo em seguida pegamos o caminho. A maioria [do caminho] é de terra, tem pouco asfalto. E a gente dorme cedo. Ontem, por exemplo, eu dormi às 19h30 da noite. Estava muito cansado. A gente evita almoçar porque o corpo esfria muito e dificulta tudo. Então, levamos uma fruta --banana, maçã-- ou pegamos um laranja em algum pomar no caminho."


Leia também

Web Stories

+
Ex de Anitta e rei da pegação: Gui Araujo é o primeiro fazendeiro de A Fazenda 13Elenco, estreia e bastidores: Saiba tudo sobre o reboot de Um Maluco no PedaçoAgressão e barraco em festa clandestina: Veja histórico dos peões de A Fazenda 13Vereda Tropical no Globoplay: Veja por onde andam cinco atores sumidos da novelaGlobo Esporte, Zero 1 e BBB: Confira trajetória de Tiago Leifert na Globo

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você gostou do elenco de A Fazenda 13?