Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

LUTO

Milton Neves lamenta morte da mulher, Lenice: 'Maldito câncer'

Reprodução/Twitter

Milton Neves e Lenice posam com óculos escuros e casacos de frio em uma estação de esqui

Milton Neves com a mulher, Lenice, durante viagem de férias a estação de esqui: luto

REDAÇÃO

Publicado em 30/8/2020 - 9h48

O apresentador Milton Neves revelou na manhã deste domingo (30), em seu perfil no Twitter, que sua mulher morreu durante a madrugada. Lenice Chame Magnoni Neves estava com o âncora da Band há mais de meio século, e lutava contra um câncer no pâncreas. A odontóloga deixa três filhos, Rafael Eduardo Magnoni Neves, Fábio Lucas Neves e Netto Neves, e duas netas, Giulia e Maria Beatriz, a Mabê, herdeiras de Fábio.

"Último sorriso de minha esposa Lenice Chame Magnoni Neves. Nesta madrugada, o maldito câncer fez mais uma vítima. Foram dez anos de namoro e 42 de casamento, três filhos, duas netas, com ela cuidando sozinha dos meninos enquanto eu mais trabalhava na vida. Hoje, com tanta realização, foi-se o pilar", escreveu ele.

Amigos famosos deixaram mensagens de apoio ao jornalista no momento difícil. "Muito amor, Milton", escreveu o comediante Bruno Motta. "Meus sentimentos aí, Miltão! Força pros amigos Rafael, Fábio e Netto e para suas netas. Vocês são pessoas especiais e certamente Lenice moldou essa família. Que Deus a receba no bom lugar que ela merece", valorizou o radialista Igor Assunção.

O jornalista Guga Chacra, da Globo, também desejou votos de paz para o enlutado. "Milton, meus sentimentos pela Lenice. Força para vc, para seus filhos e netas. Um grande abraço", escreveu. "Meus sentimentos, Milton. Muita força nessa hora tão difícil. Ela está no caminho da luz", completou o locutor e amigo Álvaro José.

Em entrevista recente ao UOL, Neves contou que Lenice foi quem deu um jeito em sua vida pessoal e profissional. "Vi um anúncio no jornal: 'Torne-se jornalista'. Aí fiz o vestibular e passei. Até então, à tarde eu jogava sinuca, de noite eu jogava baralho e no intervalo namorava um pouquinho. Não tinha futuro", admitiu.

Quando conheceu a mulher, tudo mudou, e ele decidiu virar um rapaz sério de olho no casamento. "Eu só não tinha condição [de bancar]. Então comecei a fazer concurso de tudo, vestibular de tudo. Queria trabalhar no Banco do Brasil, casar e ter um Fuscão", revelou Milton. 

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?