Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

SEDENTARISMO

Milton Neves assume culpa por mal-estar durante programa: 'Sou um cara irresponsável'

REPRODUÇÃO/BAND

Milton Neves apresenta o Terceiro Tempo de domingo (7) usando óculos de grau e terno

Milton Neves no Terceiro Tempo de domingo (7): apresentador ficou 26 horas sem comer

REDAÇÃO

Publicado em 8/6/2020 - 10h10

Milton Neves assumiu a culpa pelo mal-estar que sentiu durante o Terceiro Tempo de domingo (7). O apresentador deu uma rápida entrevista ao Aqui na Band na manhã desta segunda-feira (8) para esclarecer o ocorrido. Ele afirmou que ficou 26 horas sem comer e leva uma vida sedentária, o que contribuiu para o diagnóstico de arritmia cardíaca. "Eu realmente sou um cara irresponsável", declarou ele.

O funcionário da Band passou mal no final do programa de ontem e foi levado ao Hospital São Luiz, em São Paulo. Durante à noite, ele foi transferido para o Sírio-Libanês, onde foi atendido por seu médico pessoal, Sérgio do Carmo Jorge, e diagnosticado com arritmia cardíaca aguda. "Foi a primeira vez na vida que andei de ambulância", contou ao Aqui na Band.

Na conversa com Luís Ernesto Lacombe, o apresentador brincou que se sentiu mal depois de assistir à reprise da final do Brasileirão de 1995, disputada entre Santos e Botafogo. A partida, exibida ontem na Globo, relembrou a vitória do alvinegro carioca. "O culpado é o Botafogo, esse fim de semana eu assisti de novo aquele assalto", afirmou ele.

"Eu vi o Santos e o Botafogo, que o seu time roubou o meu e me senti mal. Quem manda sou eu, eu tenho minhas teses e não aceito nada ao contrário", disse ele, provocando Lacombe.

Neves também explicou o que aconteceu no final do Terceiro Tempo: "Ontem na Band aí eu dei uma apagada. Eu fiquei 26 horas [em jejum]. É importante alertar o pessoal". Ele narrou a rotina que mantém aos domingos e contou que acabou ficando muitas horas sem se alimentar. "Eu fiquei sem comer por 26 horas, eu não sou nenhum menininho", ressaltou.

Milton ainda afirmou que não passou por nenhum processo cirúrgico. "Não teve intervenção nenhuma, o que aconteceu é que eu dei uma apagada no último intervalo, faltavam uns 15 minutos. E eu queria terminar o programa", contou.

Mesmo internado, o jornalista gravou nove boletins para o programa que tem na Rádio Bandeirantes. Ele aproveitou para agradecer as mensagens de carinho que recebeu: "Precisa acontecer coisa preocupante para você sentir a preocupação das pessoas e amigos".

"Eu quero dizer que ninguém faça o que eu venho fazendo há 68 anos e meio. Nunca pratiquei esporte. Eu realmente sou um cara irresponsável", assumiu o apresentador.

Lacombe disse que dá para perceber que o colega de emissora já está bem pelas brincadeiras feitas na entrevista. No final da conversa, o titular do Aqui na Band desejou melhoras a Milton. "Quando o Milton Neves entra, o ibope aumenta", encerrou o jornalista esportivo.

Na noite de ontem, o apresentador usou o Twitter para tranquilizar os fãs. "Ainda não foi desta vez que subi pro andar de cima como torce Mauro Beting", escreveu ele. Confira a postagem:

Leia também

Web Stories

+
Lançamentos da semana têm Quem Matou Sara? e documentário de Pink; saiba maisDez anos após o fim de Smallville, veja como está o elenco da sérieDe cuidadora de cachorros a musa sertaneja: Como está Juliette fora do BBB21Salve-se Quem Puder: Última semana da reprise tem chantagem, reencontro perigoso e revelaçãoPower Couple Brasil 5 aposta em casais polêmicos e promete barraco e confusão

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você está animado para a nova temporada do No Limite?