Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

ATIVISTA REVOLTADA

Luisa Mell detona Larissa Manoela por doar cadela adotada: 'Coração em pedaços'

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Larissa Manoela e Luisa Mell com uma cadela branca

Larissa Manoela, Luisa Mell e vira-lata Vitória Regina; atriz doou animal para amiga e levou bronca da ativista

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 2/12/2020 - 22h20

Luisa Mell ficou revoltada ao tomar conhecimento pela imprensa que Larissa Manoela repassou para uma amiga a cadela Vitória Regina, resgatada por seu instituto e adotada posteriormente pela nova funcionária da Globo. A ativista disse que a atriz foi incoerente em seus argumentos, por dispensar um animal vira-lata e manter os outros (todos de raça) em sua casa.

"Confesso que fiquei muito triste quando vi a notícia na internet e com a resposta da assessoria da Larissa Manoela que alegou que, por compromissos profissionais, a Larissa não tinha tempo de cuidar da Vitória. Mas fiquei mais triste ainda por saber que ela tem outros cães, todos de raça, e apenas a vira-lata Vitória foi doada", escreveu Luisa no Instagram.

No longo desabafo, a ativista publicou uma foto da atriz, na qual ela aparece com nove cachorros. Entre eles está a vira-lata Vitória, a única que não tem raça definida no grupo de animais. Luisa lamentou o fato de Larissa não ser responsável com suas decisões e deu uma lição de moral na jovem.

"Sinto que alguém que inspira tanta gente, que batalhou tanto na vida trabalhando desde cedo para chegar onde chegou, dê esse exemplo quando se trata de uma vida. Adotar um cãozinho deve ser sempre um ato de amor. Uma vida não pode ser tratada como um objeto", escreveu.

"Cães, gatos e outros animais criam laços de amor, se apegam e se acostumam com o ambiente em que vivem. Vitoria já tinha uma história de abandono, de negligência antes da adoção. Passou anos com a Larissa e agora, terá que recomeçar. Estou com o coração em pedaços", continuou.

Veja o post de Luisa Mell no Instagram:


Sem tempo

A assessoria de imprensa da protagonista de Além da Ilusão disse em nota que ela repassou Vitória para sua amiga, Roberta Gasparini, que não tinha nenhum animal de estimação. A doação da vira-lata, segundo os porta-vozes da atriz, ocorreu porque a cadela tinha um comportamento que dificultava o convívio com os outros bichos.

"Para mantê-la em segurança, com conforto e recebendo uma atenção exclusiva, Vitória tem ficado com uma amiga de Larissa, a Roberta, que não possui outro animal e pode cuidar dela com o mesmo cuidado e amor. Vitória Regina segue próxima de Larissa, elas matam a saudade por meio de ligações de vídeo, assim como costuma fazer com os demais 'doguinhos'", informou a assessoria da atriz.

No novo lar, Vitória ganhou um perfil no Instagram com registros sobre o seu dia a dia. Na página, Roberta comentou sobre o caso após a repercussão negativa nas redes sociais.

"A Larissa fez um ato de amor, não de repúdio. A Vitória Regina é uma cachorra extremamente carente, precisa de atenção o tempo inteiro e começou a dar trabalho para conviver com os outros cachorrinhos da Larissa. A Larissa não podia doar os outros nove cachorros para ficar com a Vitória", afirmou a stylist.

"Tinha acabado de perder um cachorro. Nós pensamos e achamos que o melhor a ser feito era a Larissa deixar a Vitória Regina comigo. Egoísta ela seria se deixasse o cachorro lá na casa dela, triste. Não é fácil doar um 'cãozinho' nosso para alguém. O que ela fez foi amor pela Vitória Regina, não por ela, um capricho dela", concluiu Roberta.


Leia também

Web Stories

+
Como Rayssa Leal e Douglas Souza: Cinco atletas das Olimpíadas que você deve seguirTraição de Pyong Lee e treta de Nadja Pessoa: Ilha Record promete estreia acaloradaFim de casamento e cirurgia perigosa: Como estão os vencedores do Power Couple BrasilLustre de cristal e piso de mármore: Conheça o Carioca Palace, hotel de Pega PegaDe Luísa Sonza a Ana Hickmann: Veja as mansões de dez famosos brasileiros

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual a melhor cobertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio?