Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

APENAS MILIONÁRIA

Forbes desmascara Kylie Jenner e mostra que ela forjou documentos para ser bilionária

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Reprodução de imagem de Kylie Jenner

Kylie Jenner está sendo acusada de mentir sobre resultados de sua empresa; ela nega as acusações

REDAÇÃO

Publicado em 30/5/2020 - 0h06

Kylie Jenner, caçula da família Kardashian-Jenner, foi acusada pela revista Forbes de mentir sobre sua fortuna. A empresária chegou a ser eleita duas vezes como a "bilionária mais jovem do mundo", mas a publicação divulgou nesta sexta-feira (29) que ela mentiu sobre os resultados financeiros desde 2016 e que nunca foi realmente bilionária.

As dúvidas sobre o patrimônio da influenciadora começaram a surgir em novembro de 2019, após ela anunciar a venda de 51% da Kylie Cosmetics para a marca de beleza Coty. A transação custou 1,2 bilhão de dólares, porém os registros divulgados pela multinacional aos seus acionistas revelaram que "os negócios de Kylie são significativamente menores e menos lucrativos do que anunciado", afirma a revista.

A entrada de Kylie na publicação seria uma estratégia de marketing criada por Kris Jenner, mãe e líder da dinastia Kardashian, com os publicitários da caçula. A empresa de cosméticos foi criada em 2016 e, segundo os registros apresentados pela empresária para entrar na lista da Forbes, em apenas um ano, eles teriam faturado 300 milhões de dólares.

A revista não acreditou na história e a colocou em outra pauta, a Celebrity 100, de 2017, lista na qual são escolhidas as cem celebridades mais influentes do ano. Kylie ficou na 59° posição, o que teria revoltado sua mãe. Em resposta, a matriarca convenceu a revista WWD, conhecida como "a bíblia da moda", a divulgar os números desacreditados pela Forbes.

No ano seguinte, após o forte trabalho de marketing da família para apresentar Kylie como empresária de sucesso, a Forbes calculou o patrimônio dela e a opinião dos analistas e das empresas de beleza sobre a Cosmetics havia mudado. Agora, era "totalmente possível" ela sair do zero e chegar a 300 milhões de dólares em um ano.

No entanto, os números divulgados pela Coty afirmam que, em 2018, a marca vendeu apenas 125 milhões de dólares. "Se a Kylie Cosmetics faturou US$ 125 milhões em vendas em 2018, como poderia ter faturado US$ 307 milhões em 2016 ou US$ 330 milhões em 2017?", questiona a revista.

Por fim, a Forbes afirma ser possível uma queda vertiginosa das vendas, mas acredita que é mais provável que os números tenham sido maquiados e a empresa de cosméticos de Kylie nunca tenha sido tão grande quanto ela afirmava. Assim, a fortuna da caçula é estimada pela publicação atualmente em 900 milhões de dólares --o que a retira da lista dos bilionários.

Após a repercussão negativa da reportagem, Kylie afirmou no Twitter que "tudo o que vê [na matéria] são várias declarações imprecisas e suposições não comprovadas. Eu nunca pedi nenhum título ou tentei mentir para chegar lá".

Confira os tweets de Kylie Jenner, em inglês, sobre o assunto:

Leia também

Enquete

Você gostou da escolha de Tadeu Schmidt para o BBB22?

Web Stories

+
Após derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13Deixaram saudade: Conheça cinco atores de O Clone que já morreramEsqueceram de Mim ganha novo filme no Disney+; veja como está o elenco originalTadeu Schmidt no BBB22: Conheça a carreira do apresentador na GloboRenascer no Globoplay: Saiba por onde anda o elenco da novela 28 anos depois

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas