Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

MIA LINZ

Estrela do Sexy Hot trocou vida de empresária pelo pornô: 'Aptidão à safadeza'

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Mia Linz em foto com um vestido publicada no Instagram

Mia Linz em foto publicada no Instagram: ex-empresária trabalha como atriz pornô há três anos

VINÍCIUS ANDRADE

vinicius@noticiasdatv.com

Publicado em 5/2/2021 - 7h00

Uma das atrizes pornô mais famosas do país, Mia Linz está no ramo de filmes adultos há três anos. Antes empresária e dona de uma balada, ela decidiu mudar de vida por conta do estresse da rotina que envolve administrar uma empresa. Com "aptidão à safadeza", a atriz de 29 anos virou uma estrela do Sexy Hot, maior canal de produções de sexo no país

"Antes de fazer filmes, eu era empresária. Era dona de uma balada e um restaurante, mas sofria com muitos problemas, muito estresse e cobrança em gerenciar uma empresa. Por que eu decidi mudar de profissão? A aptidão à safadeza me levou ao mundo dos filmes", confessa Mia em entrevista ao Notícias da TV.

De acordo com a estrela pornô, a nova profissão lhe proporcionou melhores rendimentos financeiros e uma vida bem menos estressante. "O pornô abriu muitas portas", resume.

"A mudança de carreira colaborou para que eu deixasse de ser submissa pois, a partir disso, eu me libertei e perdi o medo dos julgamentos. Eu podia ser sincera. Falar e fazer o que tivesse vontade sem me importar com o que pensariam", explica a ex-empresária.

Neste ano, ela vai lançar uma autobiografia, ainda sem nome. "Escrevi minha biografia, em que mostro meu desenvolvimento como mulher e a transição da minha vida: passo de uma mulher submissa a uma mulher empoderada. Tudo isso sem deixar de lado minhas experiências sexuais mais loucas", entrega.

Solteira há um ano e meio, Mia foi casada durante dez anos e confessa que "bateu uma carência" no início do período de isolamento social. Recentemente, as gravações dos filmes adultos voltaram.

No último sábado (30), o Sexy Hot lançou a programação de 2021, que inclui novos formatos e conteúdos, com 12 longas e 12 curtas-metragens, além de séries e pílulas, com temáticas inéditas.

O filme de estreia foi Oi, Sumido, protagonizado por Mia. "Uma mulher que tem se sentido muito sozinha nesse período de pandemia. Em home office, a moça aproveita o tempo para navegar um pouco mais nas redes sociais. Na ocasião, Alice encontra um ex-caso que ela teve na faculdade. E agora, como será que ela vai fazer para encontrar o crush de forma segura?", diz a sinopse.

Confira uma imagem do filme abaixo:


Pornô em alta

De acordo com Cinthia Fajardo, diretora-geral do Grupo Playboy do Brasil, o Sexy Hot adotou protocolos de segurança contra a Covid-19 para retomar as gravações. As produções que serão lançadas em 2021 têm como objetivo entregar o que os espectadores mais pesquisam.

"Levando em consideração as preferências do público de pornografia no Brasil e as tendências atuais inerentes ao segmento, que vão desde a naturalização do sexo, passando pelo empoderamento feminino, diversidade de corpos e orientações sexuais, o Sexy Hot Produções pretende disponibilizar uma pornografia ainda mais segura, moderna, e que gere mais identificação para diversos tipos de público", ressalta a executiva.

Cinthia aponta que, em 2020, com mais pessoas em casa por conta da pandemia, o Sexy Hot bateu recorde de consumo. A assinatura mensal da plataforma custa R$ 19,90 por mês.

"O sexyhot.com.br registrou mais de 25 milhões de acessos, no período de 1º de janeiro até 13 de dezembro. Além disso, a plataforma registrou 7,8 milhões de visualizações de vídeos no mesmo período", enumera ela.

Uma das atrizes que colaborou para o sucesso do Sexy Hot, Mia Linz tem 276 mil seguidores no Instagram. Veja fotos:

TUDO SOBRE

Pornô

Sexy Hot


Leia também

Web Stories

+
A Fazenda 13: Surto na baia e barraco com ofensas marcam primeira semana do realityQuem é Alanis Guillen? Conheça a Juma Marruá do remake de PantanalHarmonização facial e lente nos dentes: Veja antes e depois dos peões de A Fazenda 13Ex de Anitta e rei da pegação: Gui Araujo é o primeiro fazendeiro de A Fazenda 13Elenco, estreia e bastidores: Saiba tudo sobre o reboot de Um Maluco no Pedaço

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Além de Pantanal, qual novela antiga merecia um remake?