COMBATE À PANDEMIA

De cantoria ruim a vaquinha: O que famosos estão fazendo contra o coronavírus

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM e REPRODUÇÃO/MULTISHOW

Montagem com os apresentadores Rodrigo Faro (à esquerda) e Tatá Werneck (ao centro) e o cantor Nando Reis (à direita)

Rodrigo Faro, Tatá Werneck e Nando Reis: celebridades que divulgaram campanhas de combate à Covid-19

KELLY MIYASHIRO - Publicado em 05/04/2020, às 06h00

Durante a pandemia global do coronavírus (Covid-19), várias celebridades decidiram ajudar de alguma forma no combate à doença, seja fazendo uma cantoria coletiva ruim para divulgar campanhas de doação, ou simplesmente criando vaquinhas para arrecadar dinheiro para as causas sociais de amparo aos infectados. Tatá Werneck, Nando Reis e Rodrigo Faro são alguns famosos que têm contribuído na luta.

"Não é sobre ter todas as pessoas do mundo pra si. É sobre saber que em algum lugar alguém zela por ti" são alguns dos versos da canção Trem Bala, orginalmente interpretada por Ana Vilela, mas que agora foi cantada em um vídeo na web por Anitta, Angélica, Bruna Marquezine, Preta Gil, Fernanda Souza, Fiorella Mattheis, Larissa Manoela, Grazi Massafera e Ludmilla, entre outras famosas. 

O objetivo era divulgar uma ONG que arrecada dinheiro para a compra de equipamentos para UTIs (Unidades de Terapia Intensiva). Como a internet perde o amigo mas não a piada, a cantoria acabou virando alvo de zoação ao ser chamada de Imagine (famosa música de John Lennon) brasileira, de uma forma debochada. 

"Já não basta coronavírus, reprise de Fina Estampa, e quatro meses sem salário. A gente ainda tem que aguentar Trem Bala coletivo. O brasileiro não merece tanta humilhação", brincou o internauta Felipe Carneiro no Twitter. "Conseguiram piorar o que já era ruim, incrível", alfinetou Aurélio Araújo.  

Confira o vídeo e as reações: 

Tatá Werneck

Em seus perfis nas redes sociais, Tatá Werneck se tornou uma metralhadora de compartilhamento de doações. Entre algumas das campanhas divulgadas, está uma vaquinha para montar leitos em hospitais universitários do Rio de Janeiro. Após a eliminação de Felipe Prior do BBB20 em 31 de março, em um paredão histórico, a apresentadora até ironizou em seu pedido de ajuda.

"Agora que passou o paredão, todos devem estar mais calmos. Tomara que eu consiga a mesma mobilização para arrecadar doações pra UERJ [estadual] e UFRJ [federal]. Eu estou pedindo pros amigos doarem ou apenas postarem. Postar não custa, né?", declarou a titular do Lady Night. 

Veja e contribua, se puder: 

Rodrigo Faro e Nando Reis

Famosos como Rodrigo Faro, Nanda Costa, Letícia Spiller, Sarah Oliveira, Gregorio Duvivier e Fábio Porchat apoiaram a campanha Vem Pra Guerra, que já arrecadou mais de R$ 2 milhões para a compra de materiais que serão usados pelos profissionais do Hospital das Clínicas, público de São Paulo. 

Nando Reis alfinetou o presidente Jair Bolsonaro ao pedir doações para o HC. "Diferentemente do que o presidente disse, a gravidade existe! Faça sua doação, por menor que seja", declarou o cantor. Confira a publicação:

 
 
 
View this post on Instagram

Oiê! Como vão vocês nessa quarentena? Volto hoje para reforçar a importante mensagem que postei ontem: o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo está na linha de frente do combate ao avanço da pandemia e está preparando um projeto de reestruturação de seus leitos e UTIs para enfrentar a ameaça do Novo Coronavírus. Para vencermos essa guerra, nossas armas básicas são máscaras cirúrgicas, máscaras N95, álcool gel, aventais e toucas descartáveis. Além de máquinas de Raio-X para que pacientes graves sejam acompanhados, sem risco de disseminação do vírus. Para garantir a integridade da equipe e pacientes, prevenção ao contágio, a manutenção da quantidade e qualidade dos atendimentos, estima-se um crescimento de mais de 400% na demanda desses materiais. Infelizmente, com o avanço da epidemia, a demanda desses insumos esgotou os estoques e acarretou o aumento exponencial dos preços. O movimento #VemPraGuerra é um canal de doações para apoiar o Hospital das Clínicas na luta mais importante da nossa história. . As doações serão revertidas para a compra de 40.000 máscaras N95, 670.000 máscaras cirúrgicas, 6.700 litros de álcool gel, 45.000 aventais, 211.000 toucas e 3 máquinas portáteis de raio-x, suficientes para 2 meses de atendimento, segundo as projeções de aumento dos atendimentos. A guerra pela saúde da população já começou. Nossa meta é 10 milhões de reais e cada doação fará diferença. Site para doar: https://www.charidy.com/VEMPRAGUERRA

A post shared by Nando Reis (@nandoreis) on


Ryan Reynolds e Blake Lively

Fora do Brasil, o canadense Ryan Reynolds e a norte-americana Blake Lively doaram US$ 1 milhão (R$ 5,3 milhões) para o Feeding America e para o Food Banks Canada, organizações que alimentam pessoas de baixa renda e moradores de rua nos Estados Unidos e no Canadá, respectivamente.

Em um post feito no Instagram, a intérprete da Serena de Gossip Girl (2007-2012), pediu doações a quem pudesse, e ainda fez piada com o marido. "Alguém avisa o Ryan que 'distanciamento emocional' da sogra dele não vai rolar? Nada vai salvá-lo disso", debochou a artista. Confira a publicação: 

 
 
 
View this post on Instagram

@feedingamerica @foodbankscanada ♥️

A post shared by Blake Lively (@blakelively) on


Arnold Schwarzenegger 

Estrela da franquia O Exterminador do Futuro, Arnold Schwarzenegger até brincou fazendo um tutorial de como lavar as mãos da forma correta para ensinar sua cadela Cherry, mas o ex-governador da Califórnia também doou US$ 1 milhão (R$ 5,3 milhões) em materiais de proteção contra o coronavírus para hospitais norte-americanos. Veja as publicações do ator: 

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Que jornalista está fazendo o melhor trabalho durante a pandemia?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook