Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

MUDOU DE IDEIA

Após condenar 'vacina chinesa', Sikêra Jr. grita ao ser imunizado com CoronaVac

REPRODUÇÃO/YOUTUBE

Sikêra Jr. no Alerta Nacional, na RedeTV!, de terno azul

Sikêra Jr. no Alerta Nacional; apresentador da RedeTV! tomou vacina contra a Covid-19

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 18/4/2021 - 15h57

Conhecido por ser negacionista, defender remédios sem eficácia comprovada cientificamente contra a Covid-19 e dizer que não seria imunizado com a "vacina chinesa", Sikêra Jr. mudou de ideia e recebeu a primeira dose da CoronaVac --que ele prometeu no ano passado que não tomaria. O apresentador da RedeTV! fez graça e deu alguns gritos durante a aplicação do imunizante.

Sikêra Jr. tirou sarro no momento em que a vacina foi aplicada em seu braço esquerdo. Em um drive-thru em Manaus, ele demonstrou estar com medo e berrou ao receber a agulhada. "Meu Deus, ai, meu Deus", disse antes de soltar um longo urro no vídeo curto que publicou no Instagram para registrar o momento.

Larissa Siqueira, filha do comunicador, postou a imagem do cartão de vacinação do pai nas redes sociais, comprovando que a vacina aplicada nele foi a CoronaVac, desenvolvida pelo Instituto Butantan em parceira com o laboratório chinês Sinovac. Foi esse imunizante que o jornalista reprovou veementemente em novembro do ano passado, prometendo que não o tomaria.

"Meu corpo, minhas regras. Olha, tenho direito a não querer, a não ser vacinado. Não tenho direito? O corpo não é meu? Meu corpo, minhas regras. Então quero convidar a todas as pessoas que fizeram essa campanha para ficar do meu lado ou pelo menos propagar isso", afirmou ele durante o Alerta Nacional, programa que apresenta na TV A Crítica, afiliada da RedeTV! em Manaus.

"Não quero tomar essa vacina. Não sei de onde vem, quem fez. Aliás, a gente sabe de onde vem. Vem da China. Mas quem quiser tomar pode tomar porque eu não vou tomar não", completou, na ocasião.

Horas depois de ser vacinado, o apresentador utilizou os Stories do Instagram para rebater as críticas. Ele ressaltou que o presidente Jair Bolsonaro não manda nele e mandou um recado para "os esquerdistas, que são doidos". O vídeo, porém, foi apagado da rede social.

"Vocês têm que procurar um psiquiatra. Vocês não são normais. Não era melhor ter tomado cloroquina? Eu tomei cloroquina e azitromicina, tive Covid-19 e vou tomar a vacina. Vou tomar a segunda dose. E aconselho todo mundo a tomar. E o presidente vai gostar? O presidente pode mandar na sua mulher, quem manda em mim sou eu", comentou.

Veja a publicação de Sikêra Jr.:

Assista ao vídeo em que Sikêra diz que não tomaria a vacina:


Leia também

Web Stories

+
Pedido divino e ‘cutucada’ no Facebook: 5 casais famosos que se conheceram onlineChurrasqueira em chamas e perseguição animal: Melhores momentos do Domingão do FaustãoAnitta, Juliette e Paolla Oliveira: Famosos que se posicionaram politicamente na webDe violência doméstica a desemprego: Como está o elenco de Roque SanteiroDe Fernanda Montenegro a Sônia Braga: Cinco atrizes que entraram para a história

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual o melhor reality show exibido no momento?