GUERRA ONLINE

Ana Maria e Palmirinha exploram filão de desempregados com 'Netflix do fogão'

Reprodução/Clube da Ana

Ana Maria Braga no site Clube da Ana: ela vende cursos para quem precisa complementar a renda - Reprodução/Clube da Ana

Ana Maria Braga no site Clube da Ana: ela vende cursos para quem precisa complementar a renda

RUI DANTAS - Publicado em 24/09/2018, às 05h25

De olho em um dos maiores mercados do Brasil, o de quase 13 milhões de desempregados que buscam alguma renda para sustentar suas famílias, Ana Maria Braga e Palmirinha Onofre tiveram a mesma ideia. As duas lançaram sites com cursos gastronômicos online para quem quer ganhar dinheiro cozinhando "para fora". Por enquanto, quem fatura mesmo são elas, que, empresárias digitais, cobram uma assinatura mensal mais cara do que a da Netflix.

Ana Maria foi a primeira a lançar um website com cursos pagos, o Clube da Ana. A homepage entrou em operação em janeiro e já conta com cerca de 8 mil assinantes. No início do ano que vem, vai se tornar também um aplicativo.

O valor da assinatura mensal do Clube da Ana é de R$ 39,90, mais do que o pacote top da Neflix, de R$ 37,90, que oferece quatro pontos e 4K.

"O Clube da Ana é um grande guarda-chuva de interação e ações com o público, que poderá mostrar seus dotes culinários para quem está na plataforma", afirmou Ana Maria Braga ao Notícias da TV, por e-mail.

"Meu objetivo é oferecer conteúdo de qualidade e que ele abra portas para as pessoas", contou. Sem revelar valor, a apresentadora diz que o investimento foi "absurdo".

Ao pagar a assinatura mensal, o usuário ganha um livro por mês com um menu de até 20 receitas e um QR code (código quadrado que equivale ao de barras, comum no Whatsapp e em embalagens de produtos). É por meio dele que se acessa os vídeos das receitas no computador ou smartphone. 

Os vídeos-aula têm a participação da própria Ana Maria Braga e de alguns dos chefs que frequentam o programa Mais Você, como Flavio Federico e Erik Nako. A empreitada não é da Globo. Foi inteiramente desenvolvida pela própria Ana Maria, que, assim, se lançou também no mundo das vendas digitais.

Em busca do mesmo nicho de mercado, o de desempregados, Palmirinha Onofre lançou para as "amiguinhas", na segunda-feira (17), o site Fica, Vai ter Bolo.

Por R$ 197, à vista, ou 12 parcelas mensais de R$ 19,70, o assinante tem direito a dez horas de aula de um curso de confeitaria dos bolos que fizeram a fama da vovó Palmirinha, como gosta de ser chamada, na TV. Aos 87 anos, ela e sua neta apresentam as aulas.

"Minha expectativa é atingir pessoas de todo o país, que estão atrás de novas alternativas para uma rendinha extra", afirmou Palmirinha Onofre, que agora está com contrato com o canal pago GNT. "Comecei minha carreira assim, fazendo muitos quitutes para vender pra fora e acredito muito nesse tipo de trabalho."

Palmirinha diz que planejou o seu site para os "que querem ter uma renda extra na sua própria casa ou surpreender amigos e familiares com bolos deliciosos".

Com um parecido, Catia Fonseca, outra estrela dos programas culinários, ainda não lançou até o momento nenhum curso online pago. Nos bastidores, especula-se que ela também vai entrar no mercado já explorado pelas concorrentes.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é o casal mais quente de A Dona do Pedaço?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook