Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

JOGO DA DISCÓRDIA

Victor Hugo faz dramalhão e tira Mari do sério no BBB20: 'Já é bem grandinho'

REPRODUÇÃO/GLOBO

Imagem de Mari Gonzalez durante discussão com Victor Hugo após jogo da discórdia do BBB20

Mari Gonzalez se irrita com vitimismo de Victor Hugo durante jogo da discórdia no BBB20; dupla conversou na varanda

REDAÇÃO

Publicado em 10/3/2020 - 9h01

Durante o jogo da discórdia desta segunda (9) no BBB20, os participantes repetiram a dinâmica de escolher com quem queriam ir para a final, e muitas coisas mudaram. Victor Hugo tirou Mari Gonzalez e Gizelly Bicalho de seu pódio para colocar Ivy Moraes e Gabi Martins. A ex-panicat não gostou da justificativa, muito menos do dramalhão do psicólogo: "Você já é bem grandinho", disparou.

Os dois começaram a se estranhar no programa ao vivo quando o maranhense acusou a baiana de não escutar seu lado no barraco da última festa. "Ivy e Gabi foram as únicas pessoas que tiveram o bom senso de perguntar o que havia acontecido enquanto os outros me acusaram", justificou ele. "Não tenho que conversar na hora que você quer, converso na hora que eu quero", rebateu Mari.

Tiago Leifert deixou o parquinho pegar fogo, e o psicólogo soltou faíscas: "É, mas ele está perguntando agora. E agora é isso que eu sinto", explicou. Após o programa, os dois conversaram na área externa, e a mulher de Jonas Sulzbach disse que as coisas não são na hora que ele quer: "As pessoas têm que querer também. Eu disse que ia conversar depois. Acho feio você fazer isso no ao vivo", reclamou.

A musa fitness ainda explicou seus motivos para não ter conversado antes: "Estava treinando, outro momento eu estava na piscina. Não queria conversar aquela hora, só isso", falou, com tranquilidade. O maranhense, por sua vez, subiu o tom de voz: "Eu sabia que ia ter que me comprometer, por isso queria ter conversado antes", se justificou. "Só fala baixo, porque a gente não está discutindo", rebateu Mari.

"Só estou triste", afirmou. "Você é uma pessoa que gosto muito, mas as atitudes que você teve durante o que aconteceu na festa, não gostei", continuou ele, enquanto a baiana apenas escutava. "A primeira coisa foi o seguinte: quando falaram 'falso, falso, falso', e a Gizelly me humilhou, começou um alvoroço e as pessoas ficaram próximas dela, eu fiquei sozinho", se vitimizou. 

"Olhei para você e você falou: 'não olha para mim, não', e ficou rindo. Preferiu ficar com a Gizelly", reclamou. "Eu esperava de você, devido a Gizelly estar com raiva, ter feito alguma coisa", seguiu. Mari ouviu tudo atentamente e rebateu: "Primeiro lugar: você é um homem grande e formado, não precisa de ninguém para te defender. Segunda coisa: sua amizade com a Gizelly, eu não tenho nada a ver".

"Se você é minha amiga, esperava que me defendesse", interrompeu Victor. "Deixa eu falar, você já falou", pediu ela, repetidas vezes, até o psicólogo se calar. "A sua relação com Gizelly é muito mais antiga do que a minha com você. Em nenhum momento eu ia me meter", justificou, antes de ser interrompida novamente: "Nem prestando apoio?", questionou ele.

"Sua briga com Gizelly, é sua briga com Gizelly. Minha briga com Babu [Santana], é minha briga com Babu. Não tem nada a ver", exemplificou a blogueira, lembrando que ela estava muito bêbada, sem entender o que estava acontecendo. "A gente não teve oportunidade de conversar, passei o dia mal do estômago", disse. Durante a festa, a blogueira passou mal com a bebida e chegou a vomitar.

Palestrinha e votação

A baiana também se disse surpresa com o fato de Victor Hugo ter votado na advogada e o aconselhou a conversar: "Acho que você tem que falar com a Gi. Me surpreendeu muito o seu voto nela. Vocês têm uma amizade, não pode chegar em um momento de voto e votar nela", opinou.

O maranhense lembrou do barraco com a capixaba na festa e disse que não existia mais amizade entre eles: "Se rompeu quando ela me julgou daquela forma. Extrapolou a barreira da amizade, do respeito", afirmou. "Amigos brigam também", rebateu Mari. "Quem me desrespeitou foi ela. Não posso falar para ela me pedir perdão, tem que partir dela", resmungou o cientista.

Mari deu mais um conselho: "Você tem que ver onde está errando". Ela voltou ao assunto da briga e soltou que ninguém gosta das "palestrinhas" de Victor durante as festas, porque não é o momento certo. "Tem coisa que passa do ponto. No meio de uma festa, começar uma conversa, com todo mundo bebendo, dá merda, cara!", alertou ela. 

Ainda sobre a festa e a discussão com Manu Gavassi, a blogueira alertou: "Você sugestionou [o voto] na Manu. E é verdade. Eu disse que ia seguir meus princípios". Victor, por sua vez, continuou negando que tenha feito isso: "Eu fiz vocês pensarem", rebateu. "Vamos ser sinceros? A partir do momento que você fala que tem que mudar as coisas...", tentou falar Mari, que foi interrompida mais uma vez.

"Essa conversa fica por aqui mesmo", disse o psicólogo, que não tinha mais argumentos. "Você não queria conversar? Tem que saber ouvir também", criticou a ex-panicat. "Você está incomodado porque estou dando minha posição, e você pensou que eu não ia dar. Eu tenho muita personalidade", avisou. Confira:

Últimas de BBB20

Leia também

Enquete

Você gostou de Tadeu Schmidt no comando do BBB22?

Web Stories

+
Final de Malhação na Globo tem sequestro, incêndio e final feliz; saiba tudoPor que Ludmilla e Anitta brigaram? Entenda a treta que respingou no BBB 22BBB22: Cinco vezes em que Naiara Azevedo atraiu o ranço do público na primeira semanaFaustão na Band abala concorrentes com ibope histórico e equipe provoca RecordAntes da estreia, BBB22 já rendeu treta entre famosos, tentativa de redenção e mais

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas