Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

ATITUDES CONTROVERSAS

Pyong Lee justifica assédio no BBB20: 'Quem nunca bebeu e fez uma besteira?'

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

O ex-BBB Pyong Lee em entrevista ao programa Rede BBB, exibido em março deste ano, após sua eliminação

Pyong Lee em entrevista ao Rede BBB, em março; ex-brother justificou suas atitudes controversas no reality

REDAÇÃO

Publicado em 7/4/2020 - 8h07

Eliminado do BBB20, Pyong Lee justificou o suposto assédio cometido por ele dentro do reality da Globo. Em uma das festas, o marido de Samy Lee tentou beijar Marcela Mc Gowan e Bianca Andrade e passou a mão no bumbum de Flayslane Raiane. Na ocasião, o então brother foi chamado ao confessionário e repreendido pela produção pelas atitudes. "Quem nunca bebeu e fez uma besteira?", questionou o hipnólogo, fora da casa.

Devido ao comportamento controverso, considerado importunação sexual por parte do público, o youtuber relatou que recebeu algumas mensagens de ódio e ameaças após deixar o Big Brother.

"O Brasil tá doente. Está cheio de juízes na internet. As pessoas veem trechos e te julgam. Nunca tive histórico de nada errado na vida. Ali dentro foi um momento de fragilidade que eu errei, como todo ser humano erra. E, me desculpei", declarou Lee durante uma live com Adriane Galisteu nas redes sociais. 

Após a quarentena como medida de prevenção contra o coronavírus (Covid-19), Pyong terá que prestar esclarecimento sobre os atos na Delegacia Especial de Atendimento à Mulher, em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro. Em entrevista à coluna de Patrícia Kogut, Pyong reconheceu que errou, mas minimizou seus atos, já que continuou amigo das mulheres envolvidas. "Estou tranquilo em relação a isso", disse.

"Eu já pedi desculpa e peço novamente a quem se sentiu ofendido e a quem se chateou de alguma forma. Mas lá dentro mesmo eu fui atrás das pessoas. Elas mesmas disseram que não era nada e acabaram se desculpando. Então, não sei. Não assisti, não vi de fato o que aconteceu e não lembro", declarou o descendente de coreanos. 

"Acho um pouco forte as pessoas acusarem e falarem que foi assédio, sendo que as que foram envolvidas continuaram minhas amigas, falaram que não foi nada demais. Pedi desculpas mesmo elas tendo falado que não foi nada, mas eu não repeti o erro. Acho que o importante é reconhecer o erro, se arrepender", completou o influenciador digital.

Questionado sobre a reação da mulher e mãe de seu primeiro filho, Samy Lee, Pyong contou que ela ficou extretamente magoada, mas que os dois conversaram para se resolverem.

"Cheguei querendo ouvi-la para entender como ela sentiu o que aconteceu. E pedi perdão, disposto a me esforçar para mudar e melhorar e conversamos tranquilamente assim", relatou.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos sobre o Big Brother Brasil e também revelações exclusivas de novelas!

TUDO SOBRE

BBB20

Pyong Lee

Últimas de BBB20

Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.