Derrota

Vitória 'cai do cavalo' e se despede no pódio de fracassos da Record

Michel Angelo/TV Record

Thaís Melchior e Bruno Ferrari em cena de Vitória, terceira pior audiência das novelas da Record - Michel Angelo/TV Record

Thaís Melchior e Bruno Ferrari em cena de Vitória, terceira pior audiência das novelas da Record

PAULO PACHECO - Publicado em 21/03/2015, às 06h30

A novela Vitória, mesmo nome da égua da protagonista Diana (Thaís Melchior), "caiu do cavalo" e terminou nesta sexta-feira (20) em terceiro lugar no pódio de fracassos da Record. Até a última quinta (19), a trama de Cristianne Fridman tinha média de 5,8 pontos na Grande São Paulo, segundo dados consolidados do Ibope. É a terceira pior audiência de uma novela da emissora desde 2004, quando lançou A Escrava Isaura. Com o resultado, não conseguiu honrar a propaganda da Record, que a anunciou como uma alternativa à "salada de chuchu sem tempero" da Globo, a novela Em Família.

Vitória, que estreou em junho de 2014, superou apenas a novela adolescente Alta Estação (2006), exibida no início da noite, e Pecado Mortal (2013), que sofreu com erros estratégicos da emissora (no meio da exibição, a produção mudou de horário e passou a enfrentar a novela das 21h da Globo). As duas tramas tiveram média de 5,6 pontos.

A última semana da novela foi massacrada pela reprise de Carrossel no SBT, o que aponta para um começo tenebroso para Os Dez Mandamentos, que estreia nesta segunda (23), às 20h30, mais cedo em relação a Vitória, e enfrentará Chiquititas. A novela infantil de 2012, relançada na última segunda (16), registrou o dobro da reta final da trama da Record. Por exemplo, 12,8 a 6,3 na quinta.

Na média geral, Vitória bateu o SBT por apenas um décimo (5,8 a 5,7 pontos), mais pela queda da rede de Silvio Santos, que patinou com a reprise da novela mexicana Rebelde, do que por mérito próprio. A Globo liderou com 32,9. Cada ponto equivale a 67 mil domicílios na Grande São Paulo.

Com a pressão de fazer melhor do que Pecado Mortal, Vitória foi usada pela Record para provocar Em Família (2014), novela da Globo. Em anúncios, a emissora chamou a trama de Manoel Carlos de "chata" e a comparou a uma "salada de chuchu sem tempero", pois nada acontecia. Pela audiência pífia, Vitória nem salada de chuchu virou.

A novela começou turbulenta nos bastidores. Durante as gravações na ilha de Curaçao, no Caribe, Dado Dolabella foi demitido e eliminado da trama após ter sido acusado de agredir um produtor.

Vitória também sofreu com o boicote do próprio dono da Record, o bispo Edir Macedo. Às vésperas da estreia, o líder da Igreja Universal do Reino de Deus recomendou aos fiéis que desligassem a TV durante a Copa do Mundo. Se eles obedeceram o religioso, perderam o início da novela.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

O Vídeo Show tem salvação?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook