Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

MISCIGENADA

A Fazenda 12: Jakelyne reclama por ter cabelo liso e não ser aceita como negra

REPRODUÇÃO/RECORD

Imagem de Jakelyne Oliveira no quarto da sede de A Fazenda 12

Jakelyne Oliveira em A Fazenda 12; modelo contou que é descendente de negros e índios

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 17/11/2020 - 14h55

Jakelyne Oliveira afirmou em A Fazenda 12 que se considera negra, apesar de não ser reconhecida dessa forma pela sociedade, principalmente por causa de seu cabelo liso. A modelo contou que é descendente de negros e índios e puxou a textura de cabelo de uma de suas avós. "Eu sou a miscigenação em pessoa", disse ela.

Numa conversa sobre racismo com Lidi Lisboa, Jakelyne começou a falar sobre Raissa Santana, que foi coroada como miss Brasil em 2016 e se tornou a segunda mulher negra a conquistar o título do concurso de beleza nacional. "Ela tem exatamente o mesmo tom de pele que o meu. Só que ela tem o cabelo cacheado", apontou.

"As pessoas começaram a questionar por que a Raissa era negra e eu não, e disseram que era por causa do meu cabelo liso", disse ela, que venceu o concurso em 2013. "Então eu perguntei para a minha mãe o que eu sou, porque eu tenho [antepassado] negro, branco, índio... tenho tudo. E minha mãe respondeu que sou negra. Mas as pessoas não me aceitavam como negra", lamentou.

A modelo decidiu montar sua árvore genealógica e chegou à conclusão de que é cafuza, a mistura de negros com índios, já que seu pai é negro. "Meu irmão é considerado negro. Ele tem o mesmo tom de pele que o meu, mas o cabelo dele é cacheado", explicou.

"Agora, porque eu puxei o cabelo liso da minha avó, eu não sou negra. Minha cabeça deu um nó, porque eu sempre me considerei negra. Na minha certidão de nascimento, eu sou parda. Demorei muito tempo para entender que parda não é cor", relatou Jake.

"As pessoas viram para mim e falam: 'Você é negra, mas tem os traços finos, né?", relatou Lidi, sobre sua própria experiência. "Demorei 35 anos para aprender sobre o racismo velado", afirmou a atriz.

"A palavra 'negro' é tão pesada que as pessoas tentam te desapropriar dela. Tentam achar um motivo para não ser negro, como por exemplo o meu cabelo liso, os seus traços finos", argumentou Jakelyne.

Confira:


Saiba tudo que acontece em A Fazenda com o podcast O Brasil Tá Vendo

Ouça "#17 - Como a Record pode ressuscitar A Fazenda 12?" no Spreaker.


Últimas de A Fazenda 12

Leia também

Web Stories

+
42 anos depois: Por onde anda o elenco da novela Pai Herói?A Fazenda 13: Sem barracos, Liziane frustra público e é eliminada; veja trajetóriaComo Lázaro Ramos e Taís Araujo: 7 casais formados nos bastidores da GloboSex Education vai ter 4ª temporada? Veja cinco curiosidades sobre a sérieA Fazenda 13: Surto na baia e barraco com ofensas marcam primeira semana do reality

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Além de Pantanal, qual novela antiga merecia um remake?