Premiação

Séries criminais dominam Globo de Ouro com 28% das indicações

Divulgação/HBO

O ator britânico Riz Ahmed em cena da minissérie The Night Of, exibida pela HBO - Divulgação/HBO

O ator britânico Riz Ahmed em cena da minissérie The Night Of, exibida pela HBO

JOÃO DA PAZ - Publicado em 07/01/2017, às 07h20

Mais populares e fartas na TV, as séries criminais dominam o Globo de Ouro de 2017, que ocorre neste domingo. As atrações do gênero cravaram 11 das 40 indicações (28%) nas categorias de drama e minissérie, obtidas por apenas quatro produções (American Crime Story: O Povo Contra OJ Simpson, The Night Of, Ray Donovan e American Crime). Na segunda colocação aparecem as séries de espionagem, com sete nomeações (The Night Manager, London Spy e The Americans), seguidas pelas ficções científicas Stranger Things e Westworld, com cinco.

De fato, 2016 foi um ano rico para as chamadas séries policiais. American Crime Story (FX) desafiou a intolerância a spoilers e virou sucesso mesmo contando uma história com final já conhecido: a absolvição do ex-jogador de futebol americano O.J. Simpson em um julgamento que parou os Estados Unidos, tido como o primeiro reality show da TV. A série concorre em cinco categorias, recorde da premiação.

The Night Of, uma das grandes surpresas do ano passado da HBO, também é um mergulho numa investigação policial. O drama sobre um jovem acusado de matar uma mulher, inspirado em uma série britânica, recebeu três nomeações.

A segunda temporada de American Crime, que trouxe o espinhoso tema do estupro contra uma vítima masculina, disputa duas categorias. Já Ray Donovan, com o especialista em livrar celebridades de enrascadas, marca presença em uma.

divulgação/fx

David Schwimmer (à esq.) e Cuba Gooding Jr. na primeira temporada de American Crime Story

Quem escolhe
O prestigiado Globo de Ouro é um prêmio organizado pela Associação de Correspondentes Estrangeiros de Hollywood (HFPA, sigla em inglês), que nos anos 1940 teve a ideia de fazer um evento para celebrar os melhores da indústria do entretenimento _TV e cinema. Um dos objetivos era juntar os integrantes da associação com os grandes nomes de Hollywood para troca de informações e contatos.

A HFPA é formada por 90 jornalistas de 55 países, e o Brasil é representado por Ana Maria Bahiana e Paoula Abou-Jaoude. Cada um dos integrantes escolhe cinco indicados para as categorias, tanto de TV quanto de cinema. Eles não só assistem às produções como também visitam os sets de filmagem para acompanhar de perto as atrações que podem vir a disputar o Globo de Ouro.

Após uma empresa de auditoria verificar as indicações e computar quem estará na briga pela premiação, os jornalistas recebem uma cédula de votação para escolher os vencedores. São 25 categorias no total: 14 de cinema e 11 de TV.

O trófeu pesado do Globo de Ouro: 2,5 quilos e ouro 24k

Troféu de peso
É comum o vencedor de primeira viagem comentar o quanto o troféu do Globo de Ouro é pesado. A peça tem 2,5 quilos e 27 cm de altura. O globo sobre uma da base de mármore é feito de ouro puro, 24 quilates.

Considerada a festa mais descontraída de Hollywood, o Globo de Ouro tem um dos convites mais cobiçados no circuito de premiações dos Estados Unidos. O salão do hotel Beverly Hilton, onde o evento é realizado anualmente, tem espaço para 111 mesas. Cada uma delas comporta de 10 a 12 pessoas sentadas, ou seja, apenas 1.300 pessoas têm o privilégio de estar na cerimônia. Para efeito comparativo, o teatro Dolby, local do Oscar, recebe 3.400 pessoas sentadas.

O Globo de Ouro de 2017 será realizado neste domingo (8), às 22h, com a apresentação do comediante Jimmy Fallon. No Brasil, a premiação vai ao ar na TNT, sob o comando de Domingas Person e Rubens Ewald Filho.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

 

+ Lidas

Bloco de Notas

Três É Demais

Jodie Sweetin (centro) como Stephanie em Fuller House, reboot de Três É Demais - Divulgação/Netflix A atriz Jodie Sweetin, que viveu a Stephanie na série Três É Demais (1987-1995) e repete a personagem em Fuller House, confessou nunca ter visto um episódio completo da atração em que atuou quando era ... Leia +

Leia todas as notas

Enquete

Quem é seu jurado preferido do The Voice?

Redes sociais

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook
Fechar
Click Click