POWER COUPLE BRASIL

Record muda regras de reality show para convencer Gugu a renovar contrato

FRANCISCO CEPEDA/AGNEWS

Gugu Liberato conversa com a imprensa na sede do Power Couple Brasil, em Itapecerica da Serra - FRANCISCO CEPEDA/AGNEWS

Gugu Liberato conversa com a imprensa na sede do Power Couple Brasil, em Itapecerica da Serra

GABRIEL PERLINE - Publicado em 24/04/2018, às 13h13

A terceira temporada do reality show Power Couple Brasil estreia nesta terça-feira (24), na Record, com uma série de mudanças em seu formato. E as alterações foram promovidas com um único intuito: convencer o apresentador Gugu Liberato a renovar contrato com a emissora e, consequentemente, tê-lo no comando do programa.

Os atrativos seduziram o apresentador. Alguns deles, inclusive, foram solicitados pelo próprio Gugu. Ele não queria repetir o estilo de seu antecessor, Roberto Justus, e pediu mais liberdade para atuar.

"A princípio eu não pensava em apresentar um reality show. Resisti um pouco. Quando me foi dito que teria essa estrutura... Não é o Power Couple que nós assistimos até o ano passado, é completamente diferente. Quando vi que não era o Power Couple fechado, dentro de um estúdio, vi que poderia me dar bem", diz Gugu.

Todas as novidades foram aprovadas pela Dori Media, dona da franquia Power Couple. A principal delas é a existência de uma plateia, que se fará presente todas as terças, único dia em que a atração será exibida ao vivo.

Para Gugu, ter auditório como apoio dará mais emoção ao reality. "Estou acostumado a ter plateia. Ela funciona como um termômetro. As pessoas mostram ali para mim se o programa está ou não interessante. Quando vejo que as pessoas estão se divertindo, é porque o programa está bom", diz ao Notícias da TV.

Outra novidade é a frequência do programa. Gugu estará presente na tela da Record de segunda a sexta, sempre trazendo material inédito. Às segundas, quartas, quintas e sextas, entrará com material gravado, repercutindo os acontecimentos dos dias anteriores dentro do confinamento.

Às terças, dia da eliminação, ele entrará ao vivo e ficará frente a frente com os casais que correm risco de eliminação.

Gugu também pediu mais participação do público. Daí surgiu a ideia de abrir votação para que a audiência escolha qual casal será eliminado do programa. Antes, quem definia os eliminados eram os participantes que estavam fora da DR.

Maior liberdade diante das câmeras. Gugu não queria ficar estático, lendo os textos do teleprompter. Pediu para se mover, improvisar, conversar com mais frequência com os participantes, sugerir ideias para o jogo. Tudo foi acatado pela emissora.

Por fim, e não menos importante, o apresentador impôs sua necessidade de ter brechas na agenda para visitar os filhos, que moram nos Estados Unidos.

"Isso foi primordial para mim. Sou um pai presente e não abro mão de vê-los ao menos uma vez por mês. Esta era uma das cláusulas primordiais do meu acordo com a Record", afirma Gugu.

Para que ele consiga estar com os filhos, a Record promoverá pequenos ajustes na agenda de gravações do Power Couple. Tentará gravar na quinta-feira pela manhã a edição que irá ao ar no mesmo dia e também as de sexta e de segunda. Ele retornará ao Brasil na manhã de terça, quando apresentará o reality ao vivo.

A terceira temporada do Power Couple contará com 11 casais disputando um prêmio que pode ultrapassar a quantia de R$ 1 milhão.

Estão no jogo os casais: Aloísio Chulapa e Luisa Albuquerque, André di Mauro e Liége Müller, Aritana Maroni e Paulo Rogério, DJ Créu e Lilian Costa, Diego Grossi e Franciele Grossi, Marlon e Letícia Oliveira, Munik Nunes e Anderson Felício, Nizo Neto e Tati Presser, Tati Minerato e Marcelo Galatico, Thaís Bianca e Douglas D'Amore, Vinicius D'Black e Nadja Pessoa.

FRANCISCO CEPEDA/AGNEWS

Gugu Liberato ao lado do diretor Rodrigo Carelli na sede do reality show Power Couple Brasil

Mais um ano
Foi mais demorada do que o normal a negociação de renovação do contrato de Gugu Liberato com a Record. A emissora já havia definido, em outubro do ano passado, que seu antigo programa, exibido às quartas, não interessava mais à grade.

No entanto, houve um esforço por parte dos executivos da emissora em manter Gugu no casting, tanto que lhe foram oferecidos alguns projetos de reality shows e outros formatos de atrações por temporada, mas todos foram descartados pelo apresentador.

"Cheguei a negociar com outra emissora nesse período, mas não posso falar com qual", afirma.

A renovação do contrato ocorreu somente em janeiro deste ano, e Gugu foi seduzido pelo novo Power Couple Brasil e também por um programa musical, de formato inédito, que ele apresentará no segundo semestre. A direção será de Rodrigo Carelli, e as informações ainda são tratadas sob sigilo.

Leia também

 

 

Enquete

Afinal, como você avalia Bruna Marquezine em Deus Salve o Rei?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook