Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

NO ENCONTRO

Pegadora em A Dona do Pedaço, Deborah Evelyn defende Lyris: 'Tem que ter prazer'

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

No Encontro desta segunda (19), Deborah Evelyn defendeu sua personagem fogosa em A Dona do Pedaço - REPRODUÇÃO/TV GLOBO

No Encontro desta segunda (19), Deborah Evelyn defendeu sua personagem fogosa em A Dona do Pedaço

REDAÇÃO

Publicado em 19/8/2019 - 11h50

No Encontro desta segunda-feira (19), Deborah Evelyn defendeu sua personagem pegadora em A Dona do Pedaço. Questionada por Fátima Bernardes se a atriz se surpreende com mulheres iguais a Lyris, a atriz respondeu que é preciso ir atrás daquilo que se deseja. "Sem vergonha e sem pudores, tem que ser feliz e ter prazer", explicou.

Deborah também elogiou o autor da trama, Walcyr Carrasco, por conseguir captar o consciente coletivo para sua personagem, e pontuou que não tem nada de errado com Lyris ou com mulheres iguais à ela. "Se não está fazendo mal a ninguém, qual é o problema?", completou a atriz.

Na sequência, Fátima perguntou ao sertanejo Gustavo Mioto o que ele, como homem, achava do assunto. "Acho muito legal esse empoderamento feminino, a mulher com essa coragem de fazer o que quer. E o bom dessa personagem é justamente incentivar as mulheres a falarem na cara o que querem", comentou o cantor, que foi a atração musical do Encontro desta segunda.

Deborah relembrou que em uma cena da novela, Gladys (Nathalia Timberg), jogou na cara de Lyris que ela também traiu o marido, e a atriz terceirizou a fala da personagem. "Eu não traí, porque eu tentei de tudo, ele que não quis saber de mim. Ela não tinha do marido o que ela queria", completou.

Em uma entrevista para o Gshow, em julho, Deborah já tinha falado que as mulheres sofrem preconceito quando gostam de sexo, assim como sua personagem. "Eu, particularmente, vivo num mundinho em que talvez isso não seja tão malvisto, mas é só sair um pouco que você vê que as mulheres mais fogosas ainda são criticadas, sim", opinou a atriz de 53 anos.

Na novela, a personagem de Deborah é uma socialite rejeitada pelo marido, Agno (Malvino Salvador), mas que decidiu ter desejos na cama realizados por parceiros mais jovens. O primeiro caso de Lyris foi com Tonho (Betto Marque), entregador galã da loja Bolos da Paz.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você quer ver no retorno de Amor de Mãe?