Eleições 2018

Participação de Datena em propaganda eleitoral causa atrito com a Band

Reprodução

José Luiz Datena ao lado de Cesar Maia em vídeo exibido no horário eleitoral do Rio de Janeiro - Reprodução

José Luiz Datena ao lado de Cesar Maia em vídeo exibido no horário eleitoral do Rio de Janeiro

DANIEL CASTRO - Publicado em 06/09/2018, às 13h21

O apoio do apresentador José Luiz Datena à candidatura do ex-governador Cesar Maia ao Senado Federal repercutiu mal dentro da Band. O titular do Brasil Urgente e do Agora É Domingo apareceu ontem (5) no horário eleitoral do Rio de Janeiro pedindo votos ao político de seu partido, o Democratas. No início da tarde desta quinta (6), Datena foi chamado para uma reunião com José Emílio Ambrósio, diretor Artístico e de Conteúdo.

A participação de Datena na propaganda política surpreendeu diretores das áreas Artísticas e de Jornalismo da Band, que não sabiam se o apresentador tinha autorização da emissora para fazer campanha. Eles foram questionados nas redes sociais assim que  vídeo do apoio a Cesar Maia começou a circular. Alguns defenderam que o jornalista deveria ser suspenso de seus programas.

No vídeo, Datena diz: "Chega! Basta de brincandeira e de aventura. Chegou a hora neste momento de confiar em quem sempre este ao seu lado. Este homem é o Cesar. Cesar Maia". Nas redes sociais, o apresentador, que quase foi candidato a senador por São Paulo, foi comparado ao personagem Deputado Fortunato, intepretado André Mattos no filme Tropa de Elite 2 (2010).

Datena, no entanto, não cometeu nenhum crime eleitoral, uma vez que manifestou apoio dentro do horário reservado ao Democratas. Também não houve descumprimento de norma editorial, já que a Band não proíbe expressamente seus jornalistas de se envolverem com campanhas, diferentemente da Globo.

A emissora apenas exige, em cláusula contratual, que seus colaboradores peçam autorização para cederem suas imagens ou vozes para conteúdos veiculados fora da Band, caso de comerciais ou de propagandas eleitorais. Datena negocia essas autorizações diretamente com Johnny Saad, presidente da Band.

Procurada, a Band não comentou o assunto.

Quase candidato
Datena quase foi candidato ao Senado por São Paulo. Ele chegou a se afastar da Band, em junho, cumprindo a legislação eleitoral, mas voltou a apresentar o Brasil Urgente em 9 de julho, inviabilizando sua candidatura.

"Deixa eu falar uma coisa aqui. É claro que aparecendo na televisão como estou aparecendo agora fica eliminada qualquer possibilidade de eu ser candidato a qualquer cargo eletivo na República Federativa do Brasil", desabafou o apresentador logo na abertura do programa daquele dia.

"É claro que tomar decisão é uma coisa muito difícil, porque é extremamente solitário. Porque você ouve muita gente, mas quem decide é você. Dessa vez, eu cheguei tão perto, cheguei a ficar dois domingos sem trabalhar, estava realmente decidido a ser candidato ao Senado aqui em São Paulo, mas o problema de desistir é que às vezes você desiste tão perto de conseguir um objetivo."

"Me diziam: 'Você vai ter voto pra caramba', mas eu pensei bem, refleti, conversei com minha família, conversei muito com Deus, conversei com poucos amigos. Ouvi muitas opiniões e achei que ainda não era a hora. É a segunda vez que eu me proponho a ajudar o meu país, sem ser aqui no programa. Dessa vez, fui até longe demais. Talvez nunca chegue a hora de eu ser político um dia."

Datena tem contrato com a Band até o final de 2020. Na emissora, é dado como certo que ele tentará se eleger prefeito de São Paulo nas próximas eleições.

Veja o vídeo em que José Luiz Datena declara apoio ao candidato Cesar Maia:

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual novela a Globo deve passar após Fina Estampa?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook