Memória da TV

Na TV de Verão 90, Manchete ameaçava a Globo e Xuxa seduzia os 'baixinhos'

Divulgação/Manchete

Cristiana Oliveira fez sucesso com sua personagem Juma Marruá na novela Pantanal (1990) - Divulgação/Manchete

Cristiana Oliveira fez sucesso com sua personagem Juma Marruá na novela Pantanal (1990)

THELL DE CASTRO - Publicado em 03/02/2019, às 07h28

Poucas opções de canais e domínio absoluto da Globo. Esse era o panorama da televisão brasileira no início dos anos 1990, quando se passa a trama de Verão 90, que acaba de estrear no horário das sete. O telespectador da época acompanhava uma overdose de programas infantis em todas as TVs abertas, e a Globo era ameaçada pela Manchete, com a novela Pantanal, e tinha Silvio Santos no encalço aos domingos.

A programação da Globo era aquela que conhecemos durante vários anos e somente recentemente começou a mudar. De segunda a sexta, o Bom Dia Brasil vinha antes do Bom Dia São Paulo; o Xou da Xuxa (1986-1992) seduzia os "baixinhos" e ocupava a manhã inteira, das 8h às 13h.

À tarde, a grade tinha o Vale a Pena Ver de Novo, a Sessão da Tarde, geralmente com filmes bem antigos, e uma série na Sessão Aventura. O trio de novelas, claro, estava lá: às 18h, Gente Fina; às 19h, Mico Preto. Depois do Jornal Nacional, que ia ao ar às 20h, começava Rainha da Sucata, que teve alguns tropeços no início, mas se tornou um grande sucesso.

A linha de shows começava no mesmo horário que a atual novela das nove vai ao ar, às 21h30. Eram exibidas atrações como Chico Anysio Show (1982-1990), Globo Repórter e Globo de Ouro (1972-1990), entre outros, além de séries nacionais e enlatadas.

Aos sábados, nada demais. À tarde, o Vídeo Show e séries norte-americanas. Aos domingos, Globo Rural na parte da manhã, as vitórias de Ayrton Senna na Fórmula 1, filmes da Disney na hora do almoço, e o Domingão do Faustão, que havia estreado em 1989, no período da tarde, seguido por Os Trapalhões (1977-1995) e o Fantástico. O Esporte Espetacular, nessa época, ia ao ar após a revista eletrônica, antecedendo os filmes do Domingo Maior.

No Ibope, domínio completo: entre 23 e 29 de abril de 1990, por exemplo, Rainha da Sucata e o Jornal Nacional tiveram 56 pontos; Top Model, 55; SPTV 2ª Edição, 54; e o Fantástico, 36.

divulgação/sbt

Silvio Santos com os jurados Pedro de Lara, Décio Piccinini e Sonia Lima em seu programa

De segunda a sábado, o SBT tinha uma maratona de programas infantis: das 8h às 11h, Bozo (1980-1991); das 11h às 13h, Dó, Ré, Mi, Fá, Sol, Lá, Si (1988-1991); das 14h30 às 16h30, Oradukapeta (1987-1990), com Sérgio Mallandro; das 16h30 às 18h, Show Maravilha (1988-1994), com Mara.

Chapolin e Chaves eram exibidos separadamente: enquanto o atrapalhado herói ia ao ar às 13h, o garoto do barril era exibido às 18h. Às 20h, era a vez do TJ Brasil, com Boris Casoy, que fazia sucesso com seus comentários políticos.

As noites de sábado rendiam ótimas audiências para o canal de Silvio Santos, com a dobradinha Viva a Noite (1982-1992), com Gugu Liberato, e Comando da Madrugada (1986-1994), com Goulart de Andrade (1933-2016).

Aos domingos, Silvio Santos entrava no ar perto da hora do almoço e ia até às 22h. No cardápio, programas como Show de Prêmios, TV Animal, Corrida Maluca, Porta da Esperança e Show de Calouros. Em seguida, entrava a Sessão das Dez, com um detalhe: o filme era reapresentado logo após sua exibição original.

No Ibope, aliás, era a grade dominical que chamava atenção: Sessão das Dez com 29 pontos, Show de Calouros com 22, Porta da Esperança com 19, Corrida Maluca com 17 e Show de Prêmios com 16.

Recém-comprada por Edir Macedo, a Record estava numa fase muito ruim, com uma grade recheada de enlatados. Às 12h, o jornal Record em Notícias debatia as notícias do dia e era conhecido por Jornal da Tosse, em virtude da idade avançada dos participantes. À tarde e à noite, filmes e séries antigas. A grade diária era fechada com o talk-show diário de Ferreira Netto (1938-2002).

Aos sábados e domingos, praticamente só filmes antigos. Faziam sucesso programas como Gigantes do Ringue, com lutas de telecatch, e Especial Sertanejo.

A Manchete viveu um dos seus grandes momentos em 1990, com a novela Pantanal, que ia ao ar às 21h30. Portanto, não concorria com a novela das oito da Globo, como muita gente pensa. Apesar do sucesso da trama de Benedito Ruy Barbosa, o restante da grade não tinha o mesmo êxito --menções honrosas para o Documento Especial e o Cabaré do Barata, com Agildo Ribeiro (1932-2018).

A Band era o canal do esporte. Na parte da manhã, um patrimônio da televisão brasileira: Cozinha Maravilhosa da Ofélia (1968-1998). À noite, a Faixa Nobre do Esporte exibia as mais diversas modalidades, bem como o Show do Esporte, que ocupava quase toda a grade dominical. Os jogos geralmente não eram exibidos ao vivo aos domingos, somente em VT no início da noite.

Em sua exibição original, o infantil Rá-Tim-Bum (1990-1994) era o grande destaque da grade da Cultura, que viveria uma grande fase na década. O programa era mostrado diariamente em três oportunidades: 9h, 13h e 19h. Nas manhãs de domingo, o canal exibia o longevo Viola, Minha Viola, com Inezita Barroso (1925-2015).

Os canais UHF e a televisão por assinatura ainda eram incipientes no Brasil. Destaque para o surgimento da MTV, em outubro de 1990, e os canais pagos ESPN, RAI, CNN e TVM. Já a operação comercial da internet surgiria no país apenas em 1995.


THELL DE CASTRO é jornalista, editor do site TV História e autor do livro Dicionário da Televisão Brasileira (Editora InHouse). Siga no Twitter: @thelldecastro

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é seu programa favorito gravado na quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook