Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Canta Comigo

Gugu Liberato confessa dificuldade para seguir 'bíblia' em programa da Record

Antonio Chahestian/Record

O apresentador Gugu Liberato com microfone na mão no estúdio do Canta Comigo

Gugu Liberato no estúdio do Canta Comigo, cuja segunda temporada estreia na Record nesta quarta (25)

FERNANDA LOPES

Publicado em 24/9/2019 - 5h38

Desde o ano passado, Gugu Liberato deixou de lado os programas de auditório com seu nome para apresentar atrações com formato pré-estabelecido, reality shows cujos direitos foram comprados pela Record para serem reproduzidos no Brasil. Hoje, o apresentador de 60 anos se diz totalmente adaptado e à vontade à frente do Power Couple e do Canta Comigo, mas confessa que já teve dificuldade para seguir as "bíblias" dos programas.

"O que mais senti de diferente [em relação às atrações anteriores] é que, num único formato, você precisa seguir uma série de regras, normas, o que aqui dentro é chamado de 'bíblia'. Essa foi a primeira coisa que achei difícil de seguir", revela.

"Mas, com ajuda dos diretores, eles vão te dando liberdade conforme você vai aprendendo a fazer o programa. Hoje me sinto mil vezes mais solto, tanto no Power Couple quanto no Canta Comigo, do que no ano passado, quando eu desconhecia [o funcionamento dos programas]", explica.

Nesta quarta (25), Gugu estreia a segunda temporada do Canta Comigo, que retorna no mesmo estilo: 100 jurados ligados ao mundo da música (alguns famosos, outros profissionais de bastidores) assistem às apresentações de cantores anônimos e decidem, de acordo com talento e carisma deles, se devem seguir na competição. 

Para o apresentador, esse é o programa mais impressionante e bonito visualmente que ele já fez na vida. "Tem capricho, cada jurado tem um microfone, imagina quão complexo é controlar 100 microfones. É um trabalho tão grande que no passado seria impossível fazer. O diferencial é a tecnologia de ponta. Nunca fiz algo tão grandioso. Só espero que supere a audiência que tivemos no ano passado", diz. 

O Canta Comigo está em ritmo acelerado de gravações: dois episódios já estão prontos, e mais oito serão feitos até o início de outubro. Apenas a final, em dezembro, será ao vivo.

Gugu gosta de gravar os episódios rapidamente para poder voltar a Orlando, nos Estados Unidos, onde mora com sua família. Fazer dois reality shows por ano, com a possibilidade de passar a maior parte de seu tempo fora do Brasil, é a rotina ideal para ele no momento. 

"Acabando esse programa aqui já volto para os Estados Unidos, tem formatura dos meus filhos, férias de Natal. Passo oito meses do ano lá e quatro aqui. No meu contrato [com a Record, que ainda tem validade por mais dois anos] está bem claro que devo apresentar dois programas por ano. Acho que meu lugar está garantido."

O Canta Comigo será exibido às quartas-feiras, a partir do dia 25, após A Fazenda.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual reality show você acompanhará após o fim do BBB21?